03.08

padrao_robbell

Como já havíamos noticiado, Robbie e Jamie fizeram um ensaio para a edição da InStyle Magazine do mês de setembro. Confira abaixo traduzido por nossa equipe o que os atores disseram sobre o visual de seus personagens, estilo e expectativas para o futuro.

Apesar de suas maçãs do rosto esculpidas e estrutura magra nem Jamie Campbell Bower ou Robert Sheehan poderiam ser descritos como seu habitual garoto-propaganda. Totalmente inapropriados e rudes, os dois protagonistas masculinos no novo filme de mega-série deste mês, “Os Instrumentos Mortais”, baseado nos livros bestsellers da autora Cassandra Clare, chegam com uma dose pesada de atrevimento que não é muito de seu feitio. Jamie, que interpreta o “Caçador de sombras” Jace, já está familiarizado com o fenômeno de franquia, tendo sido regular nos filmes de Harry Potter e Crepúsculo, enquanto Robert, mais conhecido por seu papel na série da E4, Misfits, e o filme Killing Bono, interpreta o personagem nerd Simon. No meio de uma batalha entre anjos e demônios na Nova York contemporânea, os dois também lutam pela atenção amorosa da heroína, Clary – interpretada por Lily Collins – que, curiosamente, parece estar namorando com Jamie de verdade. Nós nos sentamos com a dupla mortal mais cheia de energia para falar sobre dietas, fãs e a paixão de Robbie por “lesbian chic”.

Nós já vimos muitos filmes de vampiros e carniçais, então o que tem de diferente nesse?
Jamie: Nós temos vampiros, anjos, lobisomens, demônios… o lote. Também, esse filme é mais enraizado na humanidade do que os outros.
Robert: Tem esse mundo maluco e fantástico, mas é visto pelos olhos de pessoas bastante reais. Tem uma irreverência encantadora. Tem uma ótima qualidade cômica. Essa é a única maneira que eles conhecem de digerir o que está acontecendo.

E vocês são caras muito engraçados…
JCB: Ah, obrigado. Nós somo um ato duplo.
RS: Eu com certeza não tenho um tom sério.

Vocês dois se conheciam antes desse filme?
RS: Nós somos criaturas bastante sociais, nós nos movemos em círculos semelhantes.
JCB: Mais como uma figura de oito.
RS: Depois de um tempo, você percebe como a comunidade de atuação é vilã.

É competitivo entre jovem atores nessa indústria?
RS: É competitivo, mas bem-humorada. Eu nunca conheci uma pessoa mesquinha.
JCB: Nunca?
RS: Nesse contexto. Não tem sentido – é apensas a natureza do show. Tinha uma cara fazendo audição pro meu papel, e quando nós fizemos o teste de tela em Toronto ele estava no meu voo e ficou no mesmo hotel que eu. Estávamos muito na companhia um do outro. Foi intenso, mas agora nós somos colegas.

No filme, seus personagens são colocados para competir um contra o outro…
JCB: Comigo, Robbie e Lily, tem competição entre os nossos personagens. Mas eu odeio usar o termo ‘triângulo amoroso’ porque é entediante pra caramba.

Mas você fica com a garota, Jamie?
JCB: Sim, no fim da série de livros. Nós achamos que somos irmãos por um tempo, também, mas nós não somos. Está tudo nos livros, não tem nenhum sinal de spoiler lá!

Nós soubemos que a autora chorou quando ela viu você e Lily na leitura de química…
JCB: Ela assistiu o meu teste de tela – isso foi há três anos atrás – e aparentemente eu a fiz chorar. Se foi ou não porque estava horrível, eu não sei.

Você está sendo modesto. Afinal de contas, a química foi bastante real. Você e a Lily se preocupam sobre a inevitável campanha publicitária no estilo R-Patz/K-Stew?
JCB: Eu eu decido sair na rua e andar de mãos dadas com alguém e fazer um comunicado, esse é o meu comunicado*. Todo mundo envolvido nesse projeto está ciente dos exageros que surge do sucesso dos livros. Você tem que se preparar, mas não pensar nisso diariamente.
RS: O que eles não sabem é que nós estamos na verdade tendo um caso! E eles nunca vão saber…
JCB: Eles sabem agora! Como Robbie disse, é cruel que tem interesse no filme, mas é ótimo para nós como indivíduos? Quem se importa? Você não pode mudar você é por causa das expectativas de alguém de você. O que nós fazemos em nossa vida pessoal é o que fazemos em nossa vida pessoal.

Você costuma ficar com a garota na vida real, Robert?
RS: Normalmente eu apenas convido o cara a se juntar! Apenas tornar isso grande, ménage à trois feliz. Melhor amar do que brigar

Então vocês estão prestes a embarcar em uma turnê mundial promocional. Eles treinam vocês pra esse tipo de coisa?
RS: Não, eles apenas o sentem em um quarto de hotel, te animam e dizem, “Falem!” Não, vai ser interessante ver como os fãs teimosos reagem.
JCB: Eu vivenciei uma reação negativa quando eu fui escalado. Eu estava fora de forma, meu cabelo estava muito engordurado, meus dentes não estavam retos, e Jace é descrito como musculoso com cabelos loiro. É tipo “Eu sou um ator!” Eu vou mudar o jeito que eu pareço. É parte do que eu faço. Eu adoraria ir para casa e devorar uma pizza toda noite, é claro que eu iria! mas eu tenho a responsabilidade para com meus chefes e as pessoas que leram o livro.

Vamos falar sobre moda. Como vocês descreveriam seu estilo pessoal?
RS: Lésbico.
JCB: Eu uso muito preto.
RS: Lésbico gótico.
JCB: Lésbico e gótico lésbico!

Jamie, você esteve no Met Ball esse ano. Como foi isso?
RS: O que é Met Ball?
JCB: É tipo o Oscar da indústrica da moda. Lily e eu fomos. Moschino desenhou nossas roupas.

Ohh, roupas combinando!
JCB: O tema foi alta costura punk. Eles acharam que meu piercing de nariz era parte da minha fantasia! É bastante intenso mas foi algo novo e emocionante, e não inútil. Eu conhecia muitas pessoas lá. Eu ia para a escola com Cara Delevinge.
RS: Então é tipo um ápice da moda?
JCB: É tipo o G8 da moda!

Então como vocês estão lidando com a expectativa de se tornar galãs internacionais?
RS: Eu estou apenas esperando que tenha bonecos!
JCB: Sim, exatamente! Barbie e Ken, um Homem de ação! Nós somos efetivamente uma mercadoria, um boneco para se brincar.

Nós estamos achando que Rob é o próximo Colin Farrell…
RS: Eu nunca tive isso antes.
JCB: Espero que isso sem a fita de sexo!
RS: Isso já está feito, está pronto pra ir.

“Os Instrumentos Mortais: Cidade dos Ossos” estará nos cinemas a partir de 21 de Agosto.

Para ver o scan com a entrevista original, clique aqui.

Arquivado nas categorias: Elenco , Entrevistas com as tags:
Postado por:
Você pode gostar de ler também
25.03
Em uma nova entrevista para a Teen Vogue, Cassandra Clare falou sobre “Chain of Gold”, o 1º liv...
27.02
O site publishersweekly postou uma matéria que eles fizeram com Cassandra em especial para o lança...
20.03
Durante o evento que aconteceu em Londres da turnê “King and Queen”, com Cassandra Clare e Holl...
23.01
Cassandra Clare deu uma longa entrevista falando sobre o que podemos esperar de seus próximos livro...
17.01
Cassie deu uma entrevista ao Writer's Digest onde ela fala bastante sobre o processo de escrita dela...
27.11
Com o lançamento de "Queen of Air and Darkness" se aproximando, Cassie deu uma entrevista para ...

Deixe seu comentário

2 comentários em “Entrevista de Jamie Campbell Bower e Robert Sheehan para a InStyle Magazine!”



  1. Arthur Herrera disse:

    HAHAHA ELES SÃO HILÁRIOOS!





Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.



Siga @idrisbr no Instagram e não perca as novidades
Facebook