31.03

padrao_cp2-spoilers

Cassie Clare respondeu mais uma pergunta, em seu Tumblr, sobre a resolução do triângulo amoroso Tessa/Will/Jem em Princesa Mecânica, último livro da série Peças Infernais. Está recheado de Spoilers, por isso leiam por sua conta e risco após o mais, estão avisados!

Olá, Mrs. Clare! Estou lendo Princesa Mecânica. Eu quero apenas, primeiro e principalmente, aplaudir sua maneira de escrever. O que você tem feito com As peças Infernais tem revolucionado a maneira de escrever da qual eu mais amo. Eu sou um autor aspirante , e eu tenho estado tão cansado do estereotipado triângulo amoroso que muitos livros YA projetam. O seu é tão incrivelmente diferente, e incorpora toda uma nova ideia. Obrigado por isso. Eu estava pensando, o que você assume que amor de Tessa por Will vs. Seu amor por Jem foram?
Eu sempre imaginei que ela amava Jem muito mais do mesmo jeito que Will o amava – como um velho amigo, um amigo próximo; alguém que nunca iria querer desapontar, machucar, ou ir embora. Eu imagino que foi por isso que ela se casou com ele. Mas com Will, ela tinha todo aquele enigma, aquele maluco, emocionante, amor não correspondido que a maioria dos contos de fada envolve. Guarde na mente, eu apenas comecei Princesa Mecanica, então esse livro pode responder as minhas perguntas. Eu apenas quero perguntar, eu estou no caminho certo com o meu raciocínio?
E quais são seus pensamentos – o que eram quando você estava desenvolvendo a história?

– chrissyrebeckah

Primeiro: Muito obrigada pelas suas amáveis palavras. Aguenta ai, pois eu vou te provocar um pouco. Spoilers sob o corte de Princesa Mecânica.

“Eu sempre imaginei que ela amava Jem muito mais do mesmo jeito que Will o amava – como um velho amigo, um amigo próximo…”.

Você pode imaginar essa cena de Príncipe Mecânico?

Will: Jem! Pare de tocar seu violino assim! Você vai quebrá-lo!
Jem: Eu estou tão chateado! TÃO CHATEADO!
Will: Não Jem… querido Jem… por favor não fique chateado!
Jem: *o fuzilando com olhar*
Will: Eu… Eu não posso suportar que você fique triste!
Jem: *o fuzilando passionalmente com o olhar*
Will e Jem: *came na cama se beijando loucamente. *
Jem: Minhas mãos estão em todos os lugares!
Will: Oh Jem não devíamos! É tão errado! Embora se sinta tão bem! Tão pecaminoso… tão…tabu.
Jem: Sua boca diz não, mas seus olhos, eles dizem: “Me toque, Carstairs.”
Will: É VERDADE. Eu não consigo disfarçar. Eu tenho olhos famintos!

…E se não fosse por Will derramar caixa de yin fen de Jem, quem sabe que maldade teria ocorrido naquela noite? Porque eu acho que, se é esse o jeito que velhos amigos comportam-se, não existe razão para Will e Jem não caírem sobre a cama em um emaranhado de membros pré-aquecidos e se beijarem sem sentido.
Meus fieis leitores irão saber que nenhuma cena do tipo ocorreu entre Will e Jem em Príncipe Mecânico. Se tivesse, então Will e Jem teriam um relacionamento bem diferente do que eles tem em toda a série Clockwork: eles teriam tido um relacionamento que incluiria romantismo intenso e desejo sexual, que teria de ser abordado. Por exemplo, em outra cena Jem e Tessa se pegando descontroladamente em uma carruagem e ficam como, Uh-oh, nós precisamos de um acompanhante! E ainda mais em: Não podemos manter nossas mãos longe um do outro e precisamos de alguém para nos separar !
Em nenhum ponto Will e Jem iriam discutir se eles precisavam de uma acompanhante, para que não se cedam à tentação irresistível de manchar os sentidos. Exceto nesse desenho de Cassandra Jean. Aproveite.
Minha opinião sobre o relacionamento Will/Tessa e Jem/Tessa é essa: apenas como eu não queria escrever como se fosse possível existir apenas um modelo de triângulos, eu não queria escrever como se fosse possível apenas um modelo de romance global.

Nós vemos muito desse tipo de romance: esse tipo de angustia, forte drama, o amor onde você não pode dizer se é correspondido porque ele é tão mal/misterioso/você é uma coruja e ele é um peixe e vocês vivem de um jeito tão diferente e brigam todo o tempo. Will e Tessa tem isso. Você diz amor de contos de fada: você pode chamar disso, ou Forte amor romântico como eu penso, ou de qualquer jeito que você queria chamar.
Jem e Tessa tinham/tem um tipo de amor que os leitores não veem muitas vezes apresentados em livros. Isso não machuca muito (as sombras da morte não obstante de Jem) . Isso fez Tessa sentir-se bem consigo mesma. Não foi proibido. Isso não o fez menor. (Nem poderia torná-los mais — desde que as circunstâncias estivessem conspirando para fazer o amor dela e de Will doloroso; Eu tenho certeza que que o amor deles foi fácil e saudável é ótimo depois.) Mas como nós estamos condicionados á ver romances e dor como uma coisa só, Eu acho que pode ler para algumas pessoas como “ela não poderia realmente amá-los igualmente”.
Livros são sobre coisas ruins acontecendo com pessoas: a viajem de estrada que dá errado, o ensaio de coro que dá errado, o apocalipse zumbi que não pode ser possível ser certo. Os romances em livros são geralmente aqueles que dão errado, e geralmente por bons motivos. Livros são sobre conflitos. Elizabeth Bennet não poderia ter conhecido Mr Darcy e pensando “Que belo rapaz, tão bonito também” porque eles teriam se casado em vinte paginas e o livro estaria acabado.
Portanto porque o amor de Tessa e Will é aquele que dá horrivelmente errado no final de Príncipe Mecânico, pessoas estão condicionadas a ver isso como um sinal que eles ficam juntos no final. Eu sei disso: é uma das coisas com o que eu estava brincando enquanto estava escrevendo o triângulo.
Uma das coisas que falo muito nestes lugares é a expectativa do leitor: os leitores estão condicionados a esperar coisas bem específicas a partir de histórias simplesmente porque os viu muitas vezes antes, para brincar com as expectativas dos leitores, como eu estava tentando fazer , você tem que tipo de estar ciente de que no enredo há sinais dos eventos. Eu sabia que o amor de Will e Tessa é f ***** no final de Príncipe Mecânico e que as pessoas se vêem como provável o emparelhamento precisamente porque era f ***. Que a maneira mais fácil de ler que seria “Esta é a história do amor de Will e Tessa e Jem é um obstáculo.” Só que eu também queria deixar bem claro que Jem e Tessa tinham amor e desejo um pelo outro porque foi a peça chave de toda a obra e se transformou no que Holly chamou de “Kobiyashi Maru” – uma situação sem vitória. Porque eu não queria terminaro triângulo de uma forma tradicional, eu não queria que os leitores fossem capazes de ver qualquer forma tradicional de enredo. Assim Jem e Tessa tem um monte de cenas tórridas juntos, o suficiente para que quando a minha editora lê-se a cena de cama Jem / Tessa em Píncipe, ela dissesse “vamos diminuir o tom!” (E eu disse: “não” Oh, Eu sou um espinho no seu lado.)

Eu vou dizer uma coisa, que eu sinto que, enquanto existem diferentes tipos de amor romântico, eu também sinto que pessoas diferentes podem ser boas para você em momentos diferentes de sua vida. Muitas pessoas que se casam pela segunda vez se casam com pessoas muito diferentes de seusprimeiros cônjuges , e sinto que é bom para eles, neste momento em suas vidas, porque, em muitos aspectos, como você vai vivendo sua vida, você se torna uma pessoa diferente do que era.

Isso era a parte do final feliz que eu estava escrevendo: Eu acho que os meninos são bons para e bom com Tessa, mas que um era mais adequado para a jovem Tessa, que era o selvagem e imprevisível e espontâneo Will, que compartilha seus sonhos e amor pela literatura e o outro era mais adequado para Tessa mais velha, queé o introspectivo pensativo e gracioso, Jem, , que sempre tomou a visão de longo prazo, e que é uma das poucas pessoas no mundo que entende o fardo de sua imortalidade e como ela aprendeu a aceitar com graça , porque ele fez o mesmo.

Então, eu sinto que Tessa amava tanto Jem e Will, e ela amava tanto romanticamente, e que não amava um mais ou menos. Eu queria dizer: ambos os tipos de amor são lindos.

 

FONTE

Postado por:
Você pode gostar de ler também
16.06
A newsletter do mês de Junho de Cassie chegou com fotos, ainda com bastante informações e nós j...
01.06
Como já informado, Cassandra Clare esteve presente na BookCon 2019, o maior evento literário dos E...
18.05
A nova newsletter da Cassie chegou e com ela vieram novidades sobre os próximos lançamentos dela, ...
17.05
Cassandra Clare acaba de nunciar no twitter a data de publicação da Edição Especial de 10 anos d...
01.05
Cassie lançou uma nova newsletter onde ela fala algumas novidades sobre a edição de 10 anos de ...
29.03
Mais um ano, mais uma BookCon, mais uma participação de Cassandra Clare no já conhecido evento! O...

Deixe seu comentário



Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *



Siga @idrisbr no Instagram e não perca as novidades
Facebook