17.09

padrao_cassie

Hoje a Cassie respondeu a um questionamento curioso de um fã: qual era a relação de Raphael e Clary? Raphael a ignorava? Vejam o que Cassie respondeu!

Raphael e Clary

A título de curiosidade, por que é que Raphael aparentemente ignora propositadamente Clary? Eu achei que o fato de ele agir como se ela não estivesse presente estranho, já que ele parece ter algum tipo de reação a todos: Ele conhece Magnus com aborrecimento, Simon com raiva, Jace com o que *poderia* ser descrito como uma amabilidade brincalhona, ele ainda demonstra um surto quando vê Alec com Magnus o que sugere que ele pode realmente ter um senso de humor. Não há reação alguma à presença de Clary, como se ele a viu e de repente esqueceu que ela estava lá. Mesmo quando ela lhe perguntou “Será que ele sofreu?” no cemitério, ela teve que repetir porque ele não a tinha ouvido pela primeira vez, o que parecia estranho para alguém tão atento e consciente de seu entorno como ele é/era. Isso era proposital? (Eu juro que não os “shipo”. Isto é puramente uma questão de curiosidade). — houseofpeculiars

Raphael não ignora Clary, mas ele presta atenção nela tanto quanto a qualquer um que ele considere predominantemente irrelevante para ele. Não é como se ele prestasse mais atenção à Isabelle, ou Luke.

Raphael é um pragmático implacável e tem geralmente uma atitude de desprezo para com os não-vampiros, Caçadores de Sombras e humanos mundanos especialmente. Você diz que ele reage ao Simon com raiva – eu não acho que ele faça isso, na verdade; ele só tem uma reação ao Simon depois que ele se torna um vampiro. Antes disso ele tem pouco interesse por Simon. Depois ele se relaciona com o Simon da maneira como ele se relaciona porque Simon é um vampiro recém-criado, e Raphael sente que ele precisa de conselhos e orientação, (mesmo que Simon obviamente discorde!) e porque ambos são imortais e potencialmente se conhecerão surante muito tempo. Raphael se relaciona com Magnus da maneira como se relaciona porque eles têm compartilhado uma história; mesmo que você não saiba disso, ele e Magnus ainda são conectados pelo fato de serem importantes membros do submundo em Nova York e potenciais representantes de suas espécies no Conselho. Raphael relaciona-se com Alec apenas por Alec estar conectado a Magnus, e Jace quando ele precisa comunicar informações ao Instituto. É isso.

Raphael mal tem um motivo para até mesmo interagir com Clary. Ele está envolvido com os Caçadores de Sombras do Instituto por causa de seu papel oficial no clã de vampiros. Ele está envolvido com Simon, porque ele transformou Simon em um vampiro, e em diferentes pontos ele é protetor, ciumento e avarento no que diz respeito aos poderes de Simon. Ele está perturbado com a habilidade de Simon de viver sob a luz solar. Raphael não é alguém que gosta de estranhas exceções às regras. Clary é ela mesma uma exceção incomum às regras. Jace também é, mas seus traços incomuns são coisas que são muito fáceis de entrar na cabeça de um vampiro: super veloz, super forte. Os poderes de Clary são de longe mais misteriosos, e Raphael está inclinado a desconfiar de poderes sagrados como os dela, que não são facilmente descritos ou contidos.

Quanto à cena do cemitério…

“— Ele sofreu? — perguntou ela a Raphael.
Ele parou de cavar e levantou o olhar, apoiando-se no cabo da pá como o
coveiro de Hamlet.
— O quê?
— O Simon. Ele sofreu? Os vampiros o machucaram?
— Não. A morte por sangue não é tão ruim — disse Raphael, com a voz
suave. — A mordida deixa a pessoa drogada. É agradável, como ir dormir.”

Raphael estava mergulhado em pensamentos. Além disso, o som de cavar uma sepultura no chão congelado é bastante alto. E ele pode até ter estado um pouco surpreso que Clary, uma Caçadora de Sombras, estivesse mostrando preocupação com o seu amigo, agora um vampiro. Muitos Caçadores de Sombras não o fariam. Ele não a está ignorando: eles têm uma conversa completamente normal alguns parágrafos depois:

“— Meu Deus, está frio — disse Clary, fechando o casaco de Isabelle ao
redor do corpo. O veludo era quente ao menos. Ela tentou ignorar o fato de que
a bainha estava manchada com o sangue de Simon. — É como se tivesse virado
inverno da noite para o dia.
— Agradeça por não estarmos no inverno — disse Raphael, apoiando a pá
no tronco de uma árvore próxima. — O chão fica duro como pedra no inverno.
Às vezes é impossível cavar e o incipiente tem que esperar meses, passando
fome embaixo da terra, antes de poder nascer.
— É assim que vocês os chamam? Incipientes? — quis saber Clary. A
palavra parecia errada, amigável demais de alguma forma. Fazia com que a
associasse a patinhos.
— É — disse Raphael. — Significa os que ainda não nasceram ou os recém-nascidos.”

Raphael oferece informações para Clary sem avisar. Desagradáveis informações, mas essa é a sua ideia de uma conversa normal. Poucas páginas depois disso, Raphael salva a vida de Clary puxando Simon para longe quando ele está tentando alimentar.

Raphael é um personagem muito fechado. Nós raramente sabemos o que ele está pensando, ou por que ele faz as coisas que ele faz. Ele mostra pouco e contém muito. Tal como, eu acho que há uma tendência para tentar buscar qualquer comportamento que parece que pode dar uma pista para um segredo obscuro ou algo parecido. Para mim, Raphael sempre me pareceu prestar atenção à Clary adequadamente em qualquer momento, e de fato, simplesmente tratou da maneira como ele tratou a maioria das pessoas. Raphael era imortal. Ele sentiu que tinha tempo de sobra para ficar sentado e observando. Talvez com o tempo ele teria encontrado uma razão para construir um relacionamento com Clary, mas ele nunca teve essa oportunidade ou a necessidade.

Essa é a minha leitura sobre ele, de qualquer maneira; Se o seu caso for diferente, isso é legal.

E quanto a vocês, shadowhunters, quais foram as suas impressões sobre como o Raphael lidava com a Clary?

Fonte

Postado por:
Você pode gostar de ler também
24.08
Enfim a pré-venda do 3º volume da Edição de Colecionador dos “Instrumentos Mortais” entrou e...
16.06
A newsletter do mês de Junho de Cassie chegou com fotos, ainda com bastante informações e nós j...
01.06
Como já informado, Cassandra Clare esteve presente na BookCon 2019, o maior evento literário dos E...
29.03
Mais um ano, mais uma BookCon, mais uma participação de Cassandra Clare no já conhecido evento! O...
20.03
Durante o evento que aconteceu em Londres da turnê “King and Queen”, com Cassandra Clare e Holl...
28.02
Cassandra Clare e Holly Black estão fazendo uma turnê na Europa, chamada de “The King and Queen ...

Deixe seu comentário

1 comentário em “Cassandra Clare reponde pergunta sobre a relação de Raphael e Clary no tumblr”



  1. Tamara Cristina disse:

    Ao meu ver não existe nenhuma indiferença ele conversou com ela até que cordialmente sem nenhuma ofensa direcionada a ela. Não houve em nenhum momento sinal de que ele a ignora.





Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *



Siga @idrisbr no Instagram e não perca as novidades
Facebook