21.09
padrao_simon

Cassandra Clare publicou há pouco em seu Tumblr, um texto comentando sobre a jornada que Simon Lewis teve ao longo da série Os Instrumentos Mortais, mais precisamente sobre o que aconteceu em Cidade do Fogo Celestial e o ainda está por acontecer nas próximas obras.

Confira abaixo o texto completo traduzido pela nossa equipe – contém spoilers de Cidade do Fogo Celestial:

EEEEEEEEEK!!! Oi! Hum, eu estou tão nervoso agora!! Eu sou um grande fã de TMI, assim como meu melhor amigo, e nós falamos sobre isso quase todos os dias.. mas eu tenho que perguntar… Por que você fez SIMON PERDER A MEMÓRIA?! Eu e meu amigo gritou por uma semana inteira. Eu só preciso saber… *suspiro* – bethaniebooks

Simon perdendo a memória foi criado em Cidade das Almas Perdidas, quando Azazel leva uma memória de cada um do Time do Bem, o que indica que os demônios comérciam memórias.

Simon perdeu a memória, porque embora eu tenha planejado um final mais do que amargo esperançoso e doce para TMI, eu não acho que seja um final que deve vir totalmente sem importância. As conseqüências são parte do tema dos livros, faz a citação de Ted Hughes, que abre Cidade dos Anjos Caídos:

“Nada é gratuido. Tudo precisa ser pago. Para cada lucro em uma coisa, pagamento em outra. Para cada vida, uma morte. Mesmo a sua música, da qual ouvimos tanto, teve que ser paga. Sua mulher foi o pagamento por sua música. O Inferno agora está satisfeito.”

Não havia nenhuma maneira para o Time do Bem sair de Edom, sem pagar um preço enorme. A vida de Sebastian não é um preço alto, porque eles foram lá para matá-lo, então realizar o que você veio para fazer, no entanto, que pode deixa-lo com arrependimentos, não é um preço enorme.
Eles perderam Raphael, mas isso foi antes da maioria do Time do Bem chegar lá, e Raphael não foi para Edom voluntariamente – ele foi forçado. Ser seqüestrado e depois assassinado não é uma conseqüência de uma escolha que você fez.

Era importante para mim que o Time do Bem fosse corajoso e disposto a suportar perdas para salvar o mundo. Eles escolheram ir para Edom, mesmo sabendo que provavelmente poderiam não voltar. Eles foram presenteados com uma forma de voltar, porém veio com um custo terrível. Qualquer um deles poderia ter se oferecido para morrer – todos eles se ofereceram para morrer. Poderia ter sido a vida de Magnus, mas desde que eles praticamente forçaram Magnus a recorrer a seu pai, em primeiro lugar, tornou toda a situação mais desconfortável. Quando o Time do Bem forçou um de seus membros a fazer algo que ele não queria, e o resultado é a morte desse membro, o Time do Bem poderia ter se tornado o Time da Moral Comprometida.

Isso para não falar que eu não tenho certeza se o Alec teria sobrevivido.

Para se ganhar, é preciso pagar um preço. Todos eles saíram de Edom, até mesmo Simon. O pagamento foram as memórias do Simon. Todos poderiam ter saído de Edom de outra forma, sem precisarem pagar nada, mas então eles foram um pouco estúpidos por terem se preocupado em ir para lá, em primeiro lugar, pois Edom é claramente uma moleza onde você começa a ter relações sexuais em cavernas. Todos devem ir para os reinos demoníacos! Eles têm esqui!

Então por quais memórias?! Porque Simon?! – Bem, a remoção de memórias de qualquer outra pessoa teria significado jogá-los nas ruas de um mundo onde eles não tinham como sobreviver; eles são todos Caçadores das Sombras ou criaturas mágicas. Simon teve uma vida para voltar. Foi uma sobrevivência, senão um compromisso agonizante. Isso também é uma escolha que atinge praticamente todos eles onde dói. Eles são Caçadores das Sombras. Simon não é. Eles deveriam tê-lo protegido. Eles não podiam. Salve o mundo e perca um pedaço de seu coração; isso é uma consequência.

Oi Cassie 🙂  Sobre Simon – Eu estava me perguntando qual exatamente foi o seu raciocínio por trás de ter Simon se tornando um Caçador das Sombras. Em um de seus posts antigos no blog (não lembro qual), você disse que achava que ele “merecia” se tornar um Caçador das Sombras depois de lutar ao lado deles por tanto tempo. Mas eu sinto que isso implica que os vampiros não são tão bons quanto os Caçadores das Sombras, algo que Simon e Alec falaram sobre. Pelo que entendi, não foi bom para Alec pensar Simon estava em uma posição inferior simplesmente porque ele era um vampiro, mas o que você disse não implica que os vampiros não são em pé de igualdade com os Caçadores das Sombras? Além disso, agora que Simon é mortal mais uma vez, no caminho para se tornar um Caçador das Sombras e também capaz de ter filhos, não faz todas as suas lutas ao longo da série sem sentido? Eu gostava de assistir Simon em luta pela sua identidade e aceitando seu vampirismo (se isso é uma palavra), e eu realmente gostei de toda a coisa da Marca de Cain. Mas, se tudo isso for revertida, qual foi o ponto de suas lutas? Eu me sinto como seu final foi perfeito demais. Mas tenho certeza de que você tem algum raciocínio por trás de tudo, e eu ficaria honrada se você compartilhá-lo conosco. Muito obrigado!!

Eu coloquei estas duas perguntas, lado a lado para ilustrar a variedade de respostas dos leitores. A partir da idéia de que o que aconteceu com Simon é insuportável a ideia de que o que acontece com Simon é muito perfeito, todo mundo tem sua opinião diferente. E como eu acredito que todas opiniões são válidas, tudo que posso fazer é dar-lhes a minha opinião. Isso pode significar que discordo ou nos concentramos em coisas diferentes, mas isso não significa que eu acho que a sua leitura é inválida. Só queria conseguir que cheguemos em um lugar.

Em um de seus posts antigos no blog (não lembro qual), você disse que achava que ele “merecia” se tornar um Caçador das Sombras depois de lutar ao lado deles por tanto tempo. Mas eu sinto que isso implica que os vampiros não são tão bons quanto os Caçadores das Sombras, algo que Simon e Alec falaram sobre.

Esse é um conteúdo extra enquanto nós agora estamos discutindo meu comentário sobre o comentário. 🙂  Mas eu vou dizer que eu não concordo aqui. Simon merecia se tornar um Caçador das Sombras, porque era algo que ele queria ser, não porque era algo objetivamente melhor. Dizendo que alguém merece algo que eles querem … não é realmente o mesmo que dizer que o que eles não querem é indigno deles. Se Simon queria ser piloto e não um marinheiro, isso significaria o texto comunicaria ‘Danem-se todos marinheiros’?

Eu gostei de ver Simon lidando com sua identidade e aceitando seu vampirismo (se essa é uma palavra), e eu realmente gostei de toda a parte da Marca de Caim. Mas se tudo isso foi revertido, qual é o motivo de toda a sua jornada?

Simon perdeu a Marca de Caim em Cidade das Almas Perdidas – foi trocada por uma arma, com Raziel. De fato, seu diálogo com Raziel foi a coisa mais “Caçadora de Sombras” que alguém, além de Clary, fez em TMI! Aqui é onde nós vamos discordar textualmente (mas está tudo bem) – Eu nunca escrevi Simon aceitando seu vampirismo intencionalmente.  Ele sempre odiou isso. Ele odiou o que aconteceu com Maureen, ele odiou perder sua família, ele odiou a ideia de fazer parte de um clã, ou de viver com outros vampiros. Ele nunca teve nenhum outro amigo vampiro, a não ser que você conte Raphael, e este foi um relacionamento bastante irritável durante o qual Raphael dizia repetidamente que Simon era um vampiro terrível, porque de fato, ele era. Ele era unicamente inadequado para isso. A única coisa que ele sempre pareceu gostar foi de morder Isabelle e teriam outras coisas que ele poderia ter feito com ela que ele poderia ter gostado tanto quanto mordê-la, senão mais.

(Lord Montgomery pondera.)

Também, agora que Simon é mortal de novo, a caminho de se tornar um Caçador de Sombras e também capaz de ter filhos, não faz toda a sua jornada durante a série perder o significado?

Jace agora está livre do fogo celestial, sabe quem ele é, sabe que o amor de sua vida não é sua irmã, e está no caminho para uma vida feliz. Isso faz sua jornada sem sentido? Por que um final feliz, especificamente, faz a jornada de alguém parecer sem sentido?

Quero dizer, pode ser que eu não tenha entendido a pergunta adequadamente. Do meu ponto de vista, a jornada de Simon – não querer ser um vampiro, não saber como lidar com a rejeição da família, sempre ter medo dos vampiros irem atrás dele pelo seu delicioso sangue de Diurno – está simplesmente sendo substituída por outros desafios. Simon é agora um ex-membro do Submundo que irá treinar para ser um Caçador de Sombras em um mundo onde Caçadores de Sombras, apesar dos progressos, ainda odeiam e desconfiam de membros do Submundo, e todos sabem quem ele é. Ele tem que ir morar em Idris, um lugar que ele não se lembra. Ele também terá que, de alguma forma, admitir que não se lembra de uma grande parte de sua vida. Ele não se lembra da sua infância devidamente, ou de sua melhor amiga, ou da garota que ama, ou dele mesmo. Ele terá que reconstruir inteiramente um nosso Simon com as peças que ele tem e com qualquer coisa que venha a lembrar. Para mim, essa é uma jornada muito mais interessante.

Também, agora que o Simon é mortal de novo, no caminho de se tornar Caçador de Sombras e capaz de ter filhos

Todas essas coisas só são coisas boas se o Simon quer isso. Quem quer se mortal? Eu não, francamente. Outros querem. Não são todos que gostariam de ser Caçador de Sombras. Simon, com sorte, gostaria, desde o primeiro livro. Quanto ao filho, quem disse que ele as quer ou que vai querer? Não é todo mundo que quer ter filhos; não são todos que precisam ter filhos pra ser feliz. (Post interessante aqui sobre quão difícil é se você não quer ter filhos pra achar qualquer tipo de história que se reflete na sua vida e quer. “Parece que em todo romance tem que ter um epílogo com bebê, ou diálogo sobre bebê com gravidez e fulgor e criança 2.5 no futuro. Que livros se caracterizam por ter heróis ou heroínas que não estão interessados em ter filhos, mesmo que esse não seja o tópico principal ou não? Qual o seu favorito?”) TDA se passa quando Simon teria 22, TWP quando ele teria 25. Não há razão pra pensar nem se ele quer filhos ele faria nesse período de tempo ou se isso impactaria a história. (De qualquer forma, eu acho que todo mundo presumiu que ele iria terminaria com a Izzy como um vampiro, e depois eles estariam juntos, e aí eles poderiam perfeitamente bem ter filhos adotando-os ou por inseminação artificial. Adotar filhos são seus filhos. Quando Magnus e Alec adotarem, será o filho deles. Desculpa, discurso prolixo sem ligação e tangencial – meu melhor amigo tem dois filhos biológicos, o filho do meu outro melhor amigo é adotado, e eu não tenho filhos. Eu estou cansada de ouvir que só um de nós tem uma família que é considerada feliz ou aceitável)

DE QUALQUER FORMA

Eu não acho que quando as lutas acabarem, eles retirado todo o sentido. Eu acho que se tem alguma coisa que é estranha sobre o final do Simon, é que todo mundo Simon tem o que se parece com encerramento. Simon tem o que parece ser uma abertura para mais história. E vão ter mais histórias – em Contos da Academia de Caçadores de Sombras, e até em TDA. Eu posso ver como isso faria alguém sentir “esse final é diferente/esquisito/por que eu me sinto assim diferentemente sobre os finais dos outros personagens?” E às vezes quando as coisas se tornam esquisitas, nós batalhamos para identificar o motivo – muito feliz, muito triste, muito excessivamente determinado, muito indefinido? Talvez isso explique a série de reações em algum nível. E também que os leitores são sempre pessoas diferentes. Um livro é um pouco como um caleidoscópio – toda pessoa que olha nisso olhará os mesmos cristais reluzentes, mas nunca na mesma exata ordem.

Fonte

Postado por:
Você pode gostar de ler também
25.01
Cassie enviou sua nova newsletter ontem (24/01/2022) e nela Cassie fala sobre a volta de “Segredos...
24.01
Cassandra Clare postou mais uma entrada oficial de “Os segredos da Mansão Blackthorn”, o projet...
28.12
Nós, do Idris, estamos fazendo um Sorteio Solidário para doar para a cidade de Itabuna, que sofreu...
25.12
Cassandra Clare postou mais uma entrada oficial de “Os segredos da Mansão Blackthorn”, o projet...
20.12
Cassandra Clare postou mais uma entrada oficial de “Os segredos da Mansão Blackthorn”, o projet...
18.12
Cassie enviou uma newsletter onde ela fala sobre “Segredos da Mansão Blackthorn” e manda de nov...

Deixe seu comentário



Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.



Siga @idrisbr no Instagram e não perca as novidades
Facebook