16.09

padrao_TDA

Em Cidade do Fogo Celestial, fomos apresentados ao personagem Tiberius Blackthorn (Ty), que mostrou ter uma personalidade distinta que não passou despercebido pelos leitores. Cassandra Claire respondeu em seu tumblr um pouco mais sobre o que podemos esperar do personagem em Os Artifícios das Trevas e sobre seu comportamento.

commanderfraya disse: Eu acabei Cidade do Fogo Celestial e fiquei impressionada pelo personagem Ty. Eu não sei se você pretende fazer dele um autista ou não, mas dado aos comportamentos descritos – seu balanço/contagem***, vocabulário expandido, dificuldade para se comunicar, agitação, aversão ao toque e, outros problemas sensoriais – ele é um dos melhores autista representações que eu já vi, mesmo que seu personagem não foi originalmente planejado dessa forma. Meu irmão mais novo e noiva são ambos autistas, e é realmente difícil encontrar representações de humanização das pessoas autistas na mídia… Se Ty vai ser um personagem contínuo em Os Artifícios das Trevas então eu estou animada de diversas formas, e se não, então eu estou feliz que chegamos a conhecê-lo em Cidade do Fogo Celestial! Seu trabalho tem grande importância para mim desde que eu tinha treze anos, obrigado por compartilhar a sua imaginação e eu espero que você tenha um dia lindo 🙂

Oi! Eu só queria postar isso para assegurar que Ty vai ser absolutamente um personagem contínuo. Ele é muito significante nos Artifícios das Trevas. Ele é importante para os outros personagens, e eles são importantes para ele.

Ty é um desafio porque é um desafio escrever um personagem neorotípico em um mundo em que não há palavras para neurotipicalidade e nenhuma confirmação de que ela exista. Eu sou grato que tantos leitores identificaram Ty como uma pessoa com autismo, embora eu nunca usei esta palavra — grande parte dos leitores que têm autismo ou conhece alguém com autismo.

Não há uma maneira para as pessoas com autismo se comportar, sentir ou ser. Eu só posso dizer que Ty é carinhoso e ótimo e muito ele mesmo. Ty é baseado em partes no meu meio-irmão, que tem autismo, e compartilha várias características com Ty, mas não todas elas. Seu nome não é Ty, por exemplo. É Will. 🙂

Em uma postagem anterior, Cassandra Clare também comentou sobre Ty. Confira a tradução feita pela nossa equipe aqui.

***Balanço e contagem: são comportamentos chamados em termos médicos de stimming, que é colocado como hábitos de pessoas com autismos para se acalmarem.

FONTE

 

Arquivado nas categorias: Cassandra Clare , Cidade do Fogo Celestial , The Dark Artifices com as tags:
Postado por:
Você pode gostar de ler também
30.06
Algum tempo atrás, Cassie abriu uma caixinha de perguntas em seu Instagram. Avisamos no twitter (ve...
26.06
Cassie enviou uma newsletter nova, onde ela fala sobre a viagem que fez a Paris para pesquisas e tam...
05.05
Algumas semanas atrás, Cassie abriu uma caixinha de pergunta em seu Instagram @CassieClare1 e agora...
16.04
Cassie enviou a newsletter especial de “Sword Catcher”, cheia de novidades sobre o livro adulto ...
03.04
Cassie enviou uma newsletter bem pequena e sem muitas novidades, só pra falar sobre o atraso da new...
02.04
Enfim começou a pré-venda do Box da trilogia “Os Artifícios das Trevas” que foi anunciado ano...

Deixe seu comentário



Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.



Siga @idrisbr no Instagram e não perca as novidades
Facebook