02.04

Sinopse: Toda a carreira de Nora Mackenzie está nas mãos do famoso tight end da NFL Derek Pender, que também é o seu muito gostoso ex-namorado. Nora não terminou o relacionamento tão bem quanto podia no passado, e agora isso volta para assombrar ela. Derek é seu primeiro cliente como uma agente de esportes oficial e ele está guardando rancor.

Derek resolveu usar isso como uma vingança amigável. Se Nora Mackenzie, que é a primeira garota que quebrou seu coração, quer ser sua agente, bem, deixe ela ser sua agente. O plano é simples: fazer a vida de Nora ser absolutamente miserável. Mas se Derek sabe alguma coisa sobre a mulher que ele um dia amou é que ela não desiste fácil.

Ao invés de ceder, Nora começa seu próprio esquema. Mas uma noite selvagem em Las Vegas faz com que Nora e Derek acabem na cama na manhã seguinte casados. Com o livro de regras deles jogado pela janela, será que esse novo relacionamento salvará a carreira deles ou iniciará um romance épico?

Como vocês já sabem, essa resenha é em parceria com a Random House Internacional, de quem recebemos esse e-ARC (Advance reading copy: algo como “uma cópia de leitura avançada, ou seja, o livro ainda pode sofrer alterações antes de ser publicado). Também lembrando que essa resenha terá um formato diferente: por ser um e-ARC, não haverão quotes, já como os livros podem sofrer mudanças em seu texto antes de serem comercializados. Gostaríamos de agradecer profundamente a Editora pela oportunidade de parceria.

Quando eu quis ler esse livro, eu não tinha a menor ideia de que “The rule book” fazia parte do universo de “The cheat sheet” (que vocês podem conferir minha resenha AQUI). Eu sei, eu sei, movimento meio burro esse meu de não ler a sinopse direito e nem pensar mais nada além de: é um livro da Sarah Adams, é claro que eu vou ler!

Pois então, no primeiro momento do livro, quando conhecemos Derek, nosso protagonista, eu vi os nomes dos amigos dele e pensei “pera, eu conheço essa gente” e foi só aí que eu resolvi pesquisar e soube que sim, o livro é meio que uma continuação (mas que não faz nenhuma diferença ter lido o anterior ou não, como geralmente acontece mesmo entre esses livros de romcom que são do mesmo universo).

“The rule book” conta a história de Nora e de Derek, que são ex-namorados, que namoraram na época da faculdade e tinham um amor gigantesco até que ela termina o relacionamento deles (por motivos que para saber vocês terão que ler o livro) e desde então eles nunca mais se falam: ele segue a vida dele como jogador de futebol americano e ela começa a trabalhar como sempre sonhou, sendo agente de atletas.

E é claro que o destino, esse brincante que ele é, decidiu que já tinha passado da hora dos dois se reencontrarem, por isso, o primeiro cliente sério que Nora recebe na agência é Derek. O antigo agente dele está se aposentando e por isso estão passando os antigos clientes deles para outros. E Derek aceita “conhecer” Nora, porque falam pra ele apenas que o nome da nova agente é Mac (Nora Mackenzie).

Claro que tudo explode como um choque pra ele – pra ela nem tanto, porque falam primeiro pra ela quem ele é – e ele não consegue acreditar que, anos dois, a mulher que partiu o seu coração agora quer a confiança dele para cuidar de sua carreira. E é então que ele decide aceitar, apenas para se vingar dela por ter feito ele sofrer e é quando eles criam um livro de regras: coisas que eles não podem fazer agora que estão se “reconectando”: não falar sobre o passado deles, não beijar (!!!!), não ficar sem roupa um na frente do outro. Claro que tudo muito bem pensado, usado apenas como regras para um pentelhar o outro.

Porém tudo isso se perde quando em uma noite regada a bebidas em Las Vegas, eles acabam se casando no meio da bebedeira e é aí que toda confusão começa na vida deles: afinal, a carreira dos dois entra em risco na situação de que ele acabou de se casar com a agente dele e ela também se casou com o cliente dela. A partir daí começa uma enorme confusão na vida deles e se você quer saber como termina, você tem que ler o livro!

Eu fiquei simplesmente APAIXONADA pelo dois. Eu tenho lido bastante comédias românticas, mas essa realmente ganhou meu coração. Sarah sabe escrever os romances e o desenrolar da história de uma forma maravilhosa que te prende e faz você torcer por eles, para que tudo dê certo na vida deles.

Eu adorei “The cheat sheet”, mas “The rule book” é simplesmente superior em todos os aspectos – tanto pelo trope tão bom de ex-namorados que nunca se superaram quanto por todas as interações deles. Eles mesmos falam que uma das coisas que mais gostavam de fazer era criar pequenas competições e, mesmo não estando juntos, eles são OTIMOS nisso, arrancando boas risadas das situações que eles se colocam.

Eu não sei se a Sarah pretende fazer mais algum livro nesse universo, mas eu confesso que adoraria ler mais histórias ali – e ver novamente Derek e Nora, assim como foi com Bree e Nathan.

(Esse livro ainda não tem previsão de ser lançado no Brasil, porém, a Intrínseca lançou “The Cheat sheet”, então nos resta cruzar os dedos!)

Thanks for the free e-book, Penguin Random House International.

Para comprar “The Rule Book” basta clicar no nome da livraria:

Amazon, brochura.
Amazon, e-book.

Arquivado nas categorias: Blog , Livros com as tags:
Postado por:
Você pode gostar de ler também
12.04
“Dolores Claiborne” Stephen King Tradução: Regiane Winarski Suma – 2024 – 240 página...
09.04
Dá pra acreditar que já estamos em abril? Quase na metade do ano já (exagerada)! Vem com a gente ...
05.04
“Uma família feliz” Raphael Montes Arte de Capa: Rafael Nobre Companhia das Letras – 202...
29.03
“The Reappearance of Rachel Price” Holly Jackson ARC recebido em formato digital gentilmente...
26.03
“O problema dos três corpos” Cixin Liu Tradução: Leonardo Alves Suma – 2016 – 320 p�...
22.03
Sinopse: Durante uma noite, Laura, Daniel e Mo se encontraram nas luzes fluorescentes de uma sala ...

Deixe seu comentário





Siga @idrisbr no Instagram e não perca as novidades
Facebook