10.08

Não dá nem para acreditar que estamos chegando tão perto do final do ano! Com tanto acontecendo, trazemos para vocês mais uma listagem repleta de livros que possam ajudar a passar por tantas provas, então vem com a gente que tem muitos livros diversos este mês!

Alguns anúncios antes de começar:

• Para eBooks gratuitos na Amazon, clique AQUI e passe um tempo procurando livros porque tem MUITOS títulos a disposição em diversas línguas. Além disso, estamos sempre postando links de mais livros gratuitos que ficamos sabemos lá no nosso twitter @IdrisBR.

• A nossa parceria com a Starlight Montra continua valendo! Vocês podem ver os itens todos clicando AQUI e usando nosso cupom IDRISBR15, vocês tem 15% de desconto nas compras de todos itens da loja! E atenção, potterheads: dia 15 terá a starbox de Harry Potter e você usando nosso cupom IDRISBR10 você ganhará R$10 em desconto – e para ver todos os itens da caixa, basta clicar AQUI.

Agora se prepare pra ler que tem livros que estão deixando todos aqui bastante ansiosos para ler! Bora lá:

Nós somos a cidade (Great Cities #1)
N. K. Jemisin (02/08/2021)
Tradutora: Helen Pandolfi
Editora Suma

Em Nós somos a cidade, NK Jemisin ― autora best-seller do New York Times e a única escritora de todos os tempos a ganhar o prêmio Hugo por três anos consecutivos ― cria uma história de cultura, identidade, magia e lendas em uma Nova York contemporânea e intrinsicamente múltipla.

Toda cidade tem alma. Mas toda cidade também tem um lado obscuro. Um mal antigo espreitando sob a terra, esperando pelo momento certo para atacar.

E quando Nova York desperta, corporificada na figura de um franzino garoto de rua, o ataque que se segue é brutal. O jovem, avatar da metrópole, fica em um coma mágico, e a cidade corre perigo com o mal que infesta ruas e pessoas, ameaçando destruí-la.

É então que outros cinco avatares são chamados à luta.

Em Manhattan, um jovem universitário sente o pulsar da metrópole e compreende seu poder. No Bronx, a diretora lenape de uma galeria de arte descobre estranhos grafites que a atraem de maneira irresistível. No Brooklyn, uma antiga MC que entrou para a carreira política consegue ouvir a música da cidade. No Queens, uma imigrante indiana com um visto de estudante não entende como pode se tornar parte de um lugar que mal a reconhece como cidadã. E em Staten Island, a filha oprimida de um policial violento sente o resto da cidade chamando por ela.

Enquanto isso, o avatar de Nova York dorme, esperando que seus distritos consigam se unir e expulsar de uma vez por todas o invasor monstruoso à caça deles.

Virna: Fazia bastante tempo que eu não lia um livro com uma construção de mundo tão bem feita e completa – e falo isso muito, muito sério, mas, pensando seriamente, nem ao menos sei porque me surpreendi, já como a autora é a N. K. Jemisin, ganhadora de 3 prêmios Hugo na sequência. Representatividade, personagens bem construídos e aquele tipo de narrativa que é capaz de te fazer não dormir pra ficar lendo, tudo isso no livro de abertura de uma trilogia. Em breve, minha resenha será publicada e também um sorteio dessa belezinha para vocês!

Ju: Só a sinopse desse livro já é maravilhosa, eu só consigo pensar no quanto ele deve ser gostoso de ler mesmo.

Para comprar o livro, basta clicar no nome da livraria:
Amazon.
Submarino.
Travessa.
Magazine Luiza.

A canção de Aquiles
Madeline Miller (05/07/2021)
Planeta Minotauro

Grécia Antiga, o lar de deuses e reis. Pátroclo, um jovem e tímido príncipe, acaba exilado no reino de Fítia, após um acontecimento trágico. Em seu novo lar, longe de tudo o que conhecia, ele encontra Aquiles – filho do rei e da deusa Tétis. Aquiles é tudo o que Pátroclo não é: extraordinário em todos os sentidos, belo e com um futuro brilhante já delimitado por uma profecia. Mesmo com essas diferenças, eles desenvolvem uma conexão profunda e se tornam inseparáveis. Durante anos, passam a vida assim, lado a lado, crescendo juntos. E, quando se tornam jovens adultos, esse relacionamento muda para algo ainda mais intenso. A vida idílica que levam é interrompida quando surge a notícia de que Helena de Esparta foi raptada e que os homens gregos devem partir imediatamente para Troia a fim de libertá-la. Aquiles vê nessa guerra a oportunidade perfeita para enfim cumprir seu destino heroico e decide deixar para trás a corte e seguir para a batalha. Pátroclo, movido pelo amor que sente por Aquiles, o acompanha. No entanto, mal sabem eles que, além de glória e amor, o destino também tem reservado uma grande dose de sacrifícios. Baseada na Ilíada de Homero, A canção de Aquiles já encantou centenas de milhares de leitores ao redor do mundo. É uma história sobre o poder do amor e a força do destino, mas também das grandes batalhas entre deuses e reis, de paz e glória, de fama eterna e dos segredos do coração humano.

Virna: O tanto de resenhas maravilhosas, tanto em português quanto em inglês, desse livro é absurda, que agora ganha uma nova edição aqui no Brasil. O livro é de 2011 e é absurdamente aclamado, como já falei, e como já li “Circe” da autora, acho que chegou a hora de ler esse também.

Ju: Olha, eu fiquei BEM curiosa para saber mais sobre esse livro sim. Ele parece maravilhoso demais, já quero ler.

Para comprar o livro, basta clicar no nome da livraria:
Amazon, com brinde (pôster).
Submarino, com brinde (pôster).
Travessa.
Magazine Luiza.

Os Primos
Karen M. Mcmanus (09/08/2021)
Galera Record

Toda família tem segredos, mas os primos estão prestes a descobrir que os da sua são diferentes.Da mesma autora de Um de nós está mentindo. Milly, Aubrey e Jonah recebem um convite inusitado: passar o verão no resort da avó que nunca viram na vida. Seus pais acreditam que é a oportunidade perfeita para fazer as pazes com a rica e excêntrica Mildred Story, que cortou relações com todos há mais de duas décadas sem maiores explicações. Mas ao chegarem lá, os primos percebem que a família guarda muitos segredos. E eles irão tentar desvendar todos.Mildred Story deserdou todos os filhos por meio de cartas que apenas diziam: “Vocês sabem o que fizeram.” Agora, novas cartas, escritas com a mesma frieza, convidam os três netos para trabalhar e morar no resort da família durante o verão para que ela possa finalmente conhecê-los. Sem terem certeza se a melhor opção para as férias é passar tempo com quase que estranhos, os três hesitam. Mas seus pais são enfáticos: não ir está fora de cogitação.A oportunidade de reconquistar a mãe – e parte da fortuna – é grande demais para ser desperdiçada. Quem sabe eles até consigam descobrir o que a fez simplesmente parar de falar com todos. Afinal, os pais juram que nada de errado aconteceu para justificar o comportamento de Mildred há mais de vinte anos. Só que ao chegarem à ilha Gull Cove, os primos têm uma surpresa, a avó não parece estar tão satisfeita assim em vê-los.Os primos se acomodam em seus empregos e passam a se conhecer melhor, mas não demora a começarem a suspeitar de que há um segredo obscuro conectado à história da família Story. E quanto mais tempo permanecem na ilha, mais percebem que seja lá o que tenha acontecido, ainda não terminou.

Virna: Já li em formato eARC em nossa parceria com a Penguin Random House International, gostei bastante da trama e apesar de não ter se tornado meu favorito da autora (sim, já li tudo dela e meu favorito continua sendo “Mortos não contam segredos”) é um ótimo livro para se tentar descobrir o mistério, e depois que você descobre o nome do livro se torna… interessante. Você pode ler minha resenha completa sem spoilers clicando AQUI.

Ju: Eu não li ainda nenhum livro dessa autora, mas tenho curiosidade. Quem sabe eu não começo por esse?

Para comprar o livro, basta clicar no nome da livraria:
Amazon, com brinde (marcador).
Submarino.
Travessa, com brinde (marcador).

Força da natureza (Aaron Falk #2)
Jane Harper (09/08/2021)
Tradutora: Mariana Kohnert
Morro Branco

Cinco mulheres relutantemente pegam suas mochilas e começam a caminhar pela trilha lamacenta. Apenas quatro saem do outro lado. E cada uma delas conta uma história diferente sobre o ocorrido. A caminhada pela acidentada cordilheira Giralang pretendia tirar os colegas de escritório de sua zona de conforto e ensinar resiliência e espírito de equipe. Ou ao menos era o anunciado pelo site de retiro corporativo. O agente federal Aaron Falk tem um interesse particular no paradeiro da funcionária desaparecida, pois trata-se de Alice Russell, uma informante que possui dados confidenciais sobre a empresa e seus colegas de trabalho. Os relatos dissonantes contam uma história de suspeita, violência e confiança quebrada e, à medida que Falk avança na investigação, se vê envolto por segredos e perigos mais profundos do que poderia imaginar.

Virna: Esse é o segundo livro da série com o mesmo detetive que se passa na Austrália, e, como quase todos livros de séries assim, não se precisa ler em ordem ou se pode ler independentemente de ler ou não os outros. O primeiro livo se chama “A Seca” e falei sobre ele na coluna de lançamentos literários de outubro de 2020 (você pode ler clicando AQUI).

Para comprar o livro, basta clicar no nome da livraria:
Amazon.
Submarino.
Travessa.

Susan Não Quer Saber do Amor
Sarah Haywood (16/08/2021)
Tradutora: Ana Rodrigues
Intrínseca

Susan passou boa parte da vida tentando se manter afastada das confusões que os sentimentos podem causar. Advogada por formação, optou por evitar o incômodo de lidar com os problemas dos outros e trabalha como analista de dados em Londres. Seu pequeno apartamento lhe parece ideal, pois atende a suas necessidades. E até mesmo sua vida amorosa, se é que se pode chamar assim, é cuidadosamente coreografada: em vez de namorar, ela mantém há anos um relacionamento sem qualquer envolvimento emocional, mas que lhe garante companhia e intimidade pelo menos uma vez por semana.

Quando a mãe de Susan morre e ela descobre que está grávida sem nunca ter cogitado a maternidade, o pior acontece. Susan começa a perder o controle.

Para desequilibrar de vez a equação, o testamento diz que a casa da família deve ser de seu irmão irresponsável, e, certa de que a mãe foi manipulada, ela decide levar o caso à justiça. No entanto, conforme o mundo organizado de Susan vai se desfazendo, um aliado improvável lhe mostra que, para abraçar essa nova vida, talvez seja preciso relaxar um pouco.

Ao mesmo tempo uma lufada de ar fresco e um abraço bem apertado, a obra de estreia de Sarah Haywood presenteia o leitor com uma personagem inesquecível, tão irritante quanto carismática. Com graça e leveza, Susan não quer saber do amor explora o eterno dilema: vale tentar controlar tudo mesmo sabendo que vai falhar?

Virna: Vocês notaram que na capa Susan está segurando um cacto? O nome do livro em inglês é justamente “The Cactus”, fazendo alusão a personalidade de Susan. O livro foi publicado em 2018 e se tornou um queridinho e foi comprado em 2020 para ser adaptado em um filme da Netflix estrelado por Reese Witherspoon (leia a notícia em inglês clicando AQUI). Quero porque até mesmo meu coração precisa de algo sensível às vezes.

Ju: Mas que sinopse mais bonitinha essa. Quero muito ler!

Para comprar o livro, basta clicar no nome da livraria:
Amazon.
Submarino.
Travessa.
Magazine Luiza.

Cinderela Está Morta
Kalynn Bayron (16/08/2021)
Tradução: Karine Ribeiro e Érica Imenes
Galera Record

Cinderela está morta há duzentos anos, e o conto de fadas acabou. Em um reino onde as mulheres são vistas como objetos, uma menina vai contrariar tudo e a todos para poder ter a escolha de amar livremente e decidir o próprio destino. A pré-venda.  Dois séculos após Cinderela ter encontrado o seu Príncipe Encantado, a magia parece ter abandonado o reino de Mersailles. Cinderela e a fada madrinha não passam de lendas, e o reino está há décadas sob o controle de reis tirânicos. Ao completar dezesseis anos, todas as jovens são obrigadas a participar do Baile Anual, onde os homens do reino vão para escolher jovens esposas. Não ser escolhida é uma sentença de ruína tanto para a garota quanto para a sua família. Sophia está se preparando para seu primeiro baile, mas o que realmente deseja é se casar com Erin, sua melhor amiga. No dia do baile, Sophia toma a decisão desesperada de fugir, indo parar no mausoléu da Cinderela. Lá, ela encontrará uma aliada inesperada, alguém com respostas para os mistérios envolvendo as lendas que giram em torno da mítica história da Cinderela. Juntas, elas vão enfrentar a tirania opressora do rei e de uma sociedade patriarcal que impede que as pessoas sejam livres.

Virna: Eu acho que todo mundo deveria ler esse livro só pelo girl power que tem nessa sinopse. Não há nada que não faça a gente desejar imediatamente um exemplar em nossas mãos: garota lutando contra patriarcado para ter o direito de amar quem ela quiser. Se isto não te convenceu, eu não sei mesmo o que pode.

Ju: Então, como que a gente faz? Não tem como não querer ler esse livro, é obvio. Essa sinopse é perfeita, recheada de girl power e eu quero minha edição nas mãos pra ontem!

Para comprar o livro, basta clicar no nome da livraria:
Amazon, com brinde (marcador).
Submarino, com brinde (marcador).
Travessa.
Magazine Luiza.

Mordida
Sarah Andersen (17/08/2021)
Tradução: Sofia Soter
Editora Seguinte

Em seus trezentos anos de vida, a vampira Elsie nunca encontrou um par perfeito. Tudo muda quando ela conhece Jimmy, um lobisomem encantador, com uma forte tendência a sair correndo por aí na lua cheia. Cada qual com seus hábitos incomuns, juntos eles levam uma vida de casal deliciosamente macabra, curtindo filmes de terror e livros de suspense, fazendo passeios à sombra e saciando seu apetite voraz em jantares refinados (sem alho!).

Com traço gótico, humor ácido e repleto de romantismo, Mordida retrata os dramas reais de se apaixonar por alguém perfeito para você ― mas ao mesmo tempo muito diferente. Em edição de luxo, com capa dura de tecido e laterais pintadas de preto, este é um livro de morrer.

Virna: Em uma edição capa dura com tecido e com pitura trilateral, essa graphic novel promete fazer a gente shippar Elsie e Jimmy loucamente. Eu, sinceramente, me espantei com as reviews e com a nota que está no Gooreads e a história parece realmente ser humanidade de tão boa que é. Chance mais do que dada!

Ju: Sabe que eu sou muito apaixonada por historias assim de vampiros e de lobisomens e de romances entre eles e esse livro parece a coisa mais fofinha com uma vibe meio “A Familia Addams”. Quero muito.

Para comprar o livro, basta clicar no nome da livraria:
Amazon.
Submarino.
Travessa.

50 Lgbtq+ Incríveis
Débora Thomé (23/08/2021)
Galera Record

50 LGBTQ+ incríveis é o novo livro de Débora Thomé, autora de 50 brasileiras incríveis para conhecer antes de crescer, que apresenta cinquenta personalidades da comunidade LGBTQ+ e suas inspiradoras histórias de vida, carreira e sucesso.

Idealizado por Débora Thomé, 50 LGBTQ+ incríveis faz um panorama de artistas, cantores, atores, escritores e personalidades, em geral, da comunidade LGBTQ+, indo da jogadora de futebol Marta, passando por Pabllo Vittar até Angela Ro Ro. Forte e instigante, o livro, ao retratar fragilidades, dificuldades e obstáculos na trajetória de cada um, se torna uma verdadeira força inspiradora a meninos e meninas de todos os lugares, comprovando que acreditar em seus sonhos e em você mesmo é, sim, sempre, o caminho certo a seguir.

Cássia Eller soube desde cedo que queria ser artista — não importava se seria malabarista de circo ou seria bailarina. Terminou encontrando o caminho da música para se tornar uma das maiores cantoras brasileiras. João do Rio, negro, gordo e homossexual, queria apenas fazer o que lhe parecia mais óbvio: ser um observador e narrador das ruas do Rio. Caio Fernando Abreu tinha sol em virgem, ascendente em escorpião, lua em capricórnio e era um apaixonado pela vida. E Marielle viveu e morreu lutando.

Neste livro são mostradas as vidas de pessoas que escolheram ser felizes e viver a vida pelas próprias regras, lutando contra preconceitos e contra as regras de uma sociedade que teimava em tentar impedi-las de serem quem são. A força necessária não apenas para quebrar as barreiras, mas para ir além e carregar a bandeira de toda uma geração de pessoas que um dia tiveram as vozes silenciadas.

Histórias reais de pessoas reais, 50 LGBTQ+ incríveis é uma obra que reúne a biografia de grandes personalidades LGBTQ+ brasileiras, junto de incríveis ilustrações, todas também criadas por artistas LGBTQ+. Uma dose de ânimo e coragem capaz de fazer nascer em todos, sem exceção, uma indomesticável ânsia por liberdade.

Virna: Precisamos de livros com representatividade. Precisamos conhecer mais sobre personalidades LGBTQ+ que causam impacto em nossas vidas. Precisamos ler mais sobre e precisamos aprender sobre o poder dessas pessoas. Um livro necessário pra nossas vidas.

Ju: Esse é realmente um daqueles livros em que a gente põe na listinha de necessarios para a vida. Sinopse perfeita, capa perfeita, quero muito ler.

Para comprar o livro, basta clicar no nome da livraria:
Amazon, com brindes (marcador e cards).
Submarino, com brindes (marcador e cards).
Travessa, com brindes (marcador e cards).
Magazine Luiza.

As nove vidas de Rose Napolitano
Donna Freitas (24/08/2021)
Tradutora: Lígia Azevedo
Editora Paralela

Rose Napolitano e Luke estão brigando. Ele prometeu, antes do casamento, que não queria ter filhos, mas mudou de ideia. Ela prometeu tomar as vitaminas para engravidar, mas não o fez. De repente, o casamento dos dois passa a depender de uma única resposta: Rose consegue encontrar dentro de si o desejo de ser mãe?

Ao narrar uma escolha de vida decisiva em nove versões diferentes, Donna Freitas nos leva por todos os caminhos que moldam a vida de uma pessoa, refletindo sobre trajetórias que ressignificam o que é ser mulher. Um romance sobre amor, maternidade, traição, divórcio, morte e sobre como o destino pode interferir em nossos planos quando menos esperamos.

Virna: É um livro sobre as imensas possibilidades do “E se…?”. Eu amo isso. Sério, eu não posso nem explicar o quanto eu amo essas “brincadeiras” com as possibilidades porque, vamos ser sinceros, todo mundo já imaginou se tivesse tomado outra decisão diferente da que realmente tomou em sua vida, se questionando aonde estaria se tivesse feito tudo de outra forma. Quero. Mas quero muito. Mesmo.

Ju: Como a Vi falou no comentário dela, não teve quem nunca pensasse como a vida estaria se não tivesse tomado um caminho diferente. Só isso já é o bastante pra deixar a gente bem curioso com esse livro.

Para comprar o livro, basta clicar no nome da livraria:
Amazon.
Submarino.
Travessa.

A Vida Invisível de Addie Larue
V.E. Schwab (30/08/2021)
Tradução: Flávia de Lavor
Galera Record

França: 1714. Addie LaRue não queria pertencer a ninguém ou a lugar nenhum. Em um momento de desespero, a jovem faz um pacto: a vida eterna, sob a condição de ser esquecida por quem a conhecer. Um piscar de olhos, e, como um sopro, Addie se vai. Uma virada de costas, e sua existência se dissipa na memória de todos. Após tanto tempo vivendo uma existência deslumbrante, aproveitando a vida de todas as formas, fazendo uso de tantos artifícios quanto fosse possível e viajando pelo tempo e espaço, através dos séculos e continentes, da história e da arte, Addie entende seus limites e descobre — apesar de fadada ao esquecimento — até onde é capaz de ir para deixar sua marca no mundo. Trezentos anos depois, em uma livraria, um acontecimento inesperado: Addie LaRue esbarra com um rapaz. Ele enuncia cinco palavras. Cinco palavras capazes de colocar a vida que conhecia abaixo: Eu me lembro de você. Uma jornada inspirada no mito faustiano sobre busca e perda, eternidade e finitude e, acima de tudo, uma questão: até onde se vai para alcançar a liberdade?

Virna: Já li tudo da V.E. e continuo acreditando que ela é uma das melhores autoras da atualidade, mas, em minha singela opinião, “Vilão” ainda é sua obra prima. Não digo que o livro não seja bom, mas faltou aquele “clique” em mim (e eu sei todos motivos, mas isso não é uma resenha e eu não vou falar demais). Se você ler, venha conversar comigo pra gente trocar impressões!

Para comprar o livro, basta clicar no nome da livraria:
Amazon, com brindes (pôster, marcador de páginas transparente e um marcador da capa).
Submarino.
Travessa.

Uma bruxa no tempo
Constance Sayers (30/08/2021)
Editora Trama

Helen Lambert viveu várias vidas: uma jovem pianista na Paris dos anos 1890, uma atriz na Hollywood dos anos 1930, uma estrela do rock da década de 1970… só que ela não sabe disso. Até que ela conhece um homem que afirma tê-la acompanhado por séculos, que diz estar ligado a ela desde sempre. Helen não acredita nele. Afinal, sua vida é tão normal quanto a de qualquer outra mulher de seu tempo, que tem sua individualidade e sua carreira. Mas seus sonhos, muito vívidos, começam a lhe trazer de volta a memória de vidas interrompidas e um amor trágico. Presa em uma maldição, Helen será forçada a reviver os mesmos eventos sinistros que arruinaram suas vidas anteriores. No entanto, cada renascimento lhe trouxe poderes sobrenaturais que ela ainda não conhece, e é com esta versão empoderada de si mesma que vai desafiar o espaço e o tempo para quebrar esse feitiço… antes que seja tarde demais.

Virna: A Editora Trama anda me surpreendendo cada vez mais com os livros que anda publicando. Não conhecia “Uma Bruxa no tempo”, mas, depois de pesquisar para esta coluna (e, obviamente, ler a sinopse), eu posso falar com toda certeza que é um dos livros que eu vou ler o quanto antes.

Ju: Bruxas <3 Essa sinopse me lembrou um pouco a historia de uma das bruxas de Eastwick (uma série que vi alguns anos atrás). Fiquei com bastante vontade de ler!

Para comprar o livro, basta clicar no nome da livraria:
Amazon.
Submarino.
Travessa.
Magazine Luiza.

Até o verão terminar
Colleen Hoover (30/08/2021)
Tradução: Mariana Serpa
Galera Record

Uma vida de dor e abandono fizeram de Beyah uma pessoa cética, desconfiada e boa em guardar segredos. Mas, até o verão terminar, ela terá que rever tudo o que acredita. Da mesma autora dos sucessos É assim que acaba, Layla e Verity. Filha de uma mãe problemática e um pai ausente, Beyah precisou aprender a se virar sozinha desde pequena. Sua vida foi trilhada com muitas decepeções. Mas ela está prestes a mudar a sua sorte graças a si mesma, e a mais ninguém, por conta da bolsa de estudos que ganhou para estudar em uma boa universidade. Apenas dois curtos meses separam o tão sonhado futuro do passado que tanto deseja deixar para trás. Mas uma reviravolta faz Beyah perder até mesmo a casa em que mora.Sem opção, ela recorre ao último recurso que tem e precisará passar o resto do verão na casa de praia do pai que mal conhece, da nova esposa e da filha dela que nem ao menos ouvira falar. O plano de Beyah é se manter quase invisível até poder ir para a faculdade. Mas o vizinho da casa ao lado torna tudo muito mais complicado. Afinal, é difícil ignorar o rico, bonito e misterioso Samson.Os dois parecem não ter nada em comum. Ela viveu uma vida sem dinheiro ou amor enquanto ele tem uma família rica e privilegiada. Mas no olhar dele vive uma tristeza que apenas quem também a carrega dentro de si consegue reconhecer. E isso os torna irresístiveis um para o outro. Sem terem como fugir da atração que sentem, Beyah e Samson resolvem se dar uma chance, mas apenas até o verão terminar.Uma história de amor, recomeços, despedidas e reencontros.

Virna: Temos a regra: o que for da Colleen, nós lemos, certo? Apesar de ainda estar traumatizada com “Layla” do pior jeito possível (Não consigo. Sério.), ainda vou dar chance pra ela por todo histórico. Que ela não me decepcione mais uma vez!

Para comprar o livro, basta clicar no nome da livraria:
Amazon.
Submarino.
Magazine Luiza.

Blackout: O amor também brilha no escuro
Dhonielle Clayton, Tiffany D. Jackson, Nic Stone, Angie Thomas, Ashley Woodfolk e Nicola Yoon (31/08/2021)
Tradutora: Karine Ribeiro
Editora Seguinte

Seis autoras extraordinárias. Seis histórias de amor entrelaçadas. Uma noite que tinha tudo para ser um desastre ― mas acaba sendo brilhante. Uma onda de calor causa um apagão em Nova York. Multidões se formam nas ruas, o metrô para de funcionar e o trânsito fica congestionado. Conforme o sol se põe e a escuridão toma conta da cidade, seis jovens casais veem outro tipo de eletricidade surgir no ar…Um primeiro encontro ao acaso. Amigos de longa data. Ex-namorados ressentidos. Duas garotas feitas uma para a outra. Dois garotos escondidos sob máscaras. Um namoro repleto de dúvidas. Quando as luzes se apagam, os sentimentos se acendem. Relacionamentos se transformam, o amor desperta e novas possibilidades surgem ― até que a noite atinge seu ápice numa festa a céu aberto no Brooklyn. Neste romance envolvente e apaixonante, composto de seis histórias interligadas, as aclamadas autoras Dhonielle Clayton, Tiffany D. Jackson, Nic Stone, Angie Thomas, Ashley Woodfolk e Nicola Yoon celebram o amor entre adolescentes negros e nos dão esperança mesmo quando já não há mais luz.

Virna: E a Seguinte continua fazendo tudo e trazendo o livro apenas 9 dias depois do lançamento em inglês! De quando esse livro foi anunciado, eu sabia que iria querer lê-lo só pelas autoras que se juntaram para escrever contos em uma noite de um grande blackout em New York. Tem algo mais fofo do que isso? Mas não espero só coisas fofas porque todos conhecem os trabalhos dessas autoras, então podemos esperar temas que vão doer e também que são importantes para a sociedade. Pode me dar meu exemplar.

Ju: Essa sinopse é magnifica e eu já queria ler esse livro, mas depois de ter acompanhado a live delas na flipop, fiquei com mais vontade ainda!

Para comprar o livro, basta clicar no nome da livraria:
Amazon, com brindes (ganhe ecobag + kit com 6 postais ilustrados por artistas brasileiras).
Submarino.
Travessa.

Uma Melodia de Sombras e Ruínas (Uma Melodia de Sombras e Ruínas #1)
Roseanne A. Brown (31/08/2021)
Tradutora: Solaine Chioro
Editora Literalize

Para Malik, o festival de Solstasia é a oportunidade perfeita para escapar das marcas que a guerra deixou em sua terra natal e buscar um recomeço na próspera cidade de Ziran. O que ele não esperava é que um espírito maligno sequestrasse uma de suas irmãs na entrada da cidade e o forçasse a fazer um acordo fatal: para recuperar a irmã, Malik precisa matar Karina, a princesa herdeira de Ziran.

O problema é que Karina também tem ambições fatais. Sua mãe, a Sultana, foi assassinada; a corte está saindo de controle e o tempo até o festival de Solstasia se aperta como uma corda em seu pescoço. Tomada pelo luto, a princesa decide ressuscitar a mãe através de um ritual arcaico cujo ingrediente principal é o coração de um rei. Por sorte, ela sabe exatamente como conseguir um: casando-se com o vencedor do lendário torneio do Solstasia.

Quando Malik trapaceia e consegue entrar no torneio com a intenção de aproximar-se de Karina, os dois jovens entram em uma corrida contra o tempo e uma rota de destruição mútua. Com a conexão entre eles cada vez mais intensa, e forças malignas começando a despertar, qual dos dois conseguirá vencer a morte?⠀

Virna: Em mais uma edição capa dura, com mapa e bem completa, enfim temos “Uma Melodia de Sombras e Ruínas” no Brasil! Sou suspeita pra falar da Literalize porque acho os livros um primor. E sim, sei que muitos reclamam do valor, mas as edições realmente entregam tudo que o bookstan quer. No site da editora há frete grátis para todo Brasil e você já pode ler os 2 primeiros capítulos do livro clicando AQUI.

Ju: Como que a gente pode não querer ler um livro com uma sinopse dessas? É claro e obvio que o sofrimento vem de uma forma ou de outra nesse livro e meu Deus, eu preciso ler ele AGORA.

Para comprar o livro, basta clicar no nome da livraria:
Editora Literalize, com brindes (Mapa, marcador, marcador com tassel, carta da autora para os fãs brasileiros, bloco de anotações A6 com arte exclusiva).
Amazon.

Agora podemos contar para vocês: Vamos participar de uma live com Cassandra Clare e Holly Black sobre “Magisterium” lá no canal do youtube da Record! Isso mesmo, anotem ai na agenda: dia 20 de agosto, às 18:30, vamos falar com as autoras sobre o box da série Magisterium que elas escreveram juntas e será lançado pela Editora com os 5 volumes (“Desafio de Ferro”, “A Luva de Cobre”, “A Chave de Bronze”, “A Máscara de Prata” e “A Torre de Ouro”). Vem assistir que a gente promete que vai valer a pena! Você pode ler nosso post completo com todas informações clicando AQUI.


A campanha “Orgulho na Valentina” está no ar!

A Editora Valentina está recebendo originais com temática LGBTQIA+ e para participar, basta enviar o original impresso e espiralado para o endereço: Rua Santa Clara, 50 – Sala 1107- Copacabana. Rio de Janeiro – RJ. CEP: 22041-012. Serão aceitas obras de ficção e não ficção para todos os públicos. O prazo de inscrição é de 1º de agosto a 31 de outubro, com resultado no dia 2 de janeiro de 2022. Além da publicação, que acontecerá no dia 28 de junho de 2022, quem vencer receberá R$ 3 mil de adiantamento!


A Editora Seguinte anunciou que publicará aqui no Brasil no ano que vem uma nova série queridinha de fantasia: “The Bridge Kingdom”, de Danielle L Jensen. A série começou a ser publicada ano passado e tem conquistado bastante fãs ao redor do mundo.

Confiram o anúncio e a sinopse já traduzida do 1º livro, que leva o mesmo nome da série:


A Canção dos pássaros e das Serpentes”, o prequel de “Jogos Vorazes”, vai mesmo ganhar filme e a produção é esperava para começar no ano que vem e o lançamento é esperado entre 2023/2024. O livro foi lançado ano passado e conta a adolescência de Snow (sim, o Presidente Snow, antes de ser presidente, é claro). Você pode ler a sinopse clicando AQUI.

O filme anterior à série Jogos Vorazes está nos estágios iniciais de desenvolvimento e a Lionsgate espera iniciar a produção no primeiro semestre de 2022. Baseado no livro de Suzanne Collins, “A Canção dos pássaros e das Serpentes”, o filme será sobre Coriolanus Snow aos 18 anos, anos antes de se tornar o tirânico presidente da Panem.

A notícia vem do presidente da Lionsgate, Joe Drake, que observa que o filme deve ser lançado no final de 2023 ou início de 2024, afirmando que a pré-produção está “indo muito, muito bem“. Além disso, Drake discute a probabilidade do filme ser lançado nos cinemas, apesar da pandemia. “Há um público que quer voltar aos cinemas”, afirmou Drake. “Acredito que o mercado vai voltar. Haverá uma plataforma forte e robusta para monetizarmos nossos filmes.

O diretor dos filmes anteriores de Jogos Vorazes, Francis Lawrence, voltará para dirigir “A Canção dos pássaros e das Serpentes”. O elenco ainda não foi anunciado, mas Nina Jacobson e Brad Simpson retornam à franquia como produtores. Collins estará na equipe também, e Michael Arndt, o roteirista vencedor do Oscar de “Pequena Miss Sunshine”, irá adaptar o roteiro.

Você pode ler a matéria completa em inglês clicando AQUI.

Lembrando que essa coluna não traz todos os lançamentos do mês, mas um apanhado com os livros que mais chamaram a atenção de nossa equipe e são o foco dos nossos seguidores, com as datas estimadas das publicações e novidades de contratos fechados sobre livros que sabemos que todos estão ansiosos por sua publicação e algumas dicas de nossa equipe pra vocês, com alguns comentários! Caso você tenha alguma dica de algum livro que está muito ansioso(a) para ler, manda a dica pra gente em [email protected] que analisaremos colocar sua indicação aqui!

Até o mês que vem!

Arquivado nas categorias: Blog , Filmes , Livros com as tags:
Postado por:
Você pode gostar de ler também
22.10
“The Book of Form and Emptiness” Ruth Ozeki ARC recebido em formato físico em parceria com a P...
20.10
Hoje, dia 20/10, a Netflix divulgou o primeiro clipe de “Rebelde” junto com a data de estreia da...
20.10
“Billy Summers” Stephen King Tradução: Regiane Winarski Suma – 2021 – 472 páginas Billy...
18.10
“As nove vidas de Rose Napolitano” Donna Freitas Tradutora: Lígia Azevedo Paralela – 2021 ...
15.10
Pensei Que Fosse Verdade Huntley FitzpatrickEditora Valentina - 336 páginas “O...
13.10
Sinopse: For anyone who has loved and lost, and lived to tell the tale, this gorgeously written deb...

Deixe seu comentário



Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *



Siga @idrisbr no Instagram e não perca as novidades
Facebook