17.09

The Ice Coven (Jessica Niemi #2) – Max Seeck
ARC recebido em formato de eARC em parceria com a Penguin Random House International
Data de lançamento internacional: 28 de setembro de 2021

Six months have passed since Jessica’s encounter with the mysterious serial-killing coven of witches and the death of her mentor. Her nightmares about her mother and the witchcraft that undid her have only gotten worse, but she’s doing what she can to stay focused. Her homicide squad, now under new leadership, has been given a murder case and a new series of disappearances to investigate. A young woman’s corpse has washed up on an icy beach, and two famous Instagram influencers have gone missing at the same time.

The missing influencers and the murdered woman all have ties to a sinister cult. Jessica finds an eerie painting–of a lighthouse on a remote island–as she investigates, and under the picture is a gruesome poem detailing a murder. The nightmares about her mother suddenly seem all too real, making Jessica wonder if the dead woman might be trying to tell her something about the killings. And as Jessica works frantically to solve her latest case, her horrific past comes roaring back and threatens to destroy her.

Tradução não oficial da sinopse:
Seis meses se passaram desde que Jessica encontrou um misterioso coven de bruxos seriais killers e da morte de seu mentor. Seus pesadelos sobre sua mãe e a magia que a matou apenas tornaram-se piores, mas ela está fazendo o que pode para se manter focada. Seu esquadrão de homicídio, agora sob nova liderança, recebeu um caso de assassinado e uma nova série de desaparecimentos para investigar. O corpo de uma jovem foi encontrado em uma banheira de gelo, e dois influencers famosos do Instagram desapareceram ao mesmo tempo.

Os influencers e a mulher morta têm laços com um culto sinistro. Jessica encontra uma pintura estranha — de um farol em uma ilha remova — conforme investiga, e sob a pintura há um poema detalhando um assassinato. Os pesadelos sobre sua mãe de repente parecem muito reais, fazendo Jessica se perguntar se a mulher morta pode estar tentando dizer algo a ela sobre os assassinatos. E enquanto Jessica trabalha freneticamente para resolver seu último caso, seu passado terrível volta correndo e ameaça destruí-la.

Vamos, lá, pessoal!

Esse livro já me chamou atenção pela capa.

Em “The Ice Coven”, seguimos a história da detetive finlandesa Jessica Niemi após os acontecimentos do primeiro livro da série, “The Witch Hunter”.
Para quem não sabe, “The Witch Hunter” foi a estreia do escritor finlandês Max Seeck. O primeiro livro nos apresenta a detetive Jessica Niemi, e nele ela tenta solucionar o mistério de uma série de assassinatos que estão acontecendo baseados no modus operandi de um assassino de uma série de livros fictícia.

Na sequência, em “The Ice Coven”, que tem previsão de estreia para o final desse mês, a detetive batalha contra os fantasmas dos acontecimentos do primeiro livro, e a perda de seu chefe e mentor, enquanto desvenda uma nova série de crimes, como diz a sinopse.


A leitura do primeiro livro não é obrigatória para entender o segundo, mas é, de fato, um ótimo complemento, porque trata muito do passado de Jessica e da relação que ela tinha com Erne (seu antigo chefe). Mas, como eu disse, você totalmente pode ler o segundo, porque uma história não complementa diretamente a outra.

Falando do lado técnico do livro, é uma história muito bem construída. O autor, ainda que estreante no mundo da literatura, não deixa nenhuma brecha. Sua escrita é muito completa, cheia de detalhes e descrições de cenas e personagens, além de pontos de vista (o livro tem mais de um). O livro é narrado em terceira pessoa (pessoalmente, esse é meu estilo favorito), mas isso não atrapalha em nada a história, porque o autor não escreve só sobre o que está acontecendo na cena, mas ele também descreve os sentimentos dos personagens.
Agora, para ser sincera, o inglês do livro não é um inglês muito fácil de entender (é que ele não foi escrito em inglês, originalmente). Eu mesmo perdi algumas palavras na tradução, visto que o autor escreve frases bem longas e usa muitos e muitos adjetivos (isso me atrapalhou um pouquinho), e só por isso estou dando 4 estrelas. Mas para quem não se importa, isso somente complementa a história.

Um aspecto que eu amei do livro: O livro é finlandês, e a história se passa na cidade de Helsinki. Eu nunca havia lido nada da Finlândia antes da série da Jessica. E, nossa, ele passa muito, muito bem toda a vibe dos lugares e cenários, e justamente por não conhecer tanto assim, tive aquela sensação de que o lugar poderia ser exatamente o que eu quisesse, bem misterioso, sabe? Me peguei “googlando” alguns lugares que ele cita no livro várias vezes!

O livro também é dividido em muitos e muitos e muitos capítulos (mais precisamente 116), mas essa divisão torna a leitura muito mais dinâmica, porque não arrasta os capítulos por mais tempo do que o necessário, então apesar de extensa, a leitura não se torna maçante.

A personagem principal, Jessica, é simplesmente incrível. Ao mesmo tempo que ela é uma detetive super “badass”, dedicada e focada em seu trabalho, a história nos apresenta todas as faces de Jessica e seus medos, como os pesadelos que ela tem com a mãe, por exemplo. Ela é cheia de lutas internas contra seu passado e suas dores, e a maneira como tudo isso atinge ela é muito, muito humana. Ela é uma personagem com quem é MUITO fácil de se identificar, porque apesar de ser uma detetive, policial, de ter solucionado casos difíceis, ela não é inatingível.

Falando de outros personagens secundários, temos o Yusef <3, e temos a Hullu, a nova chefe horrível e detestável da Jessica que eu detestei desde o primeiro momento que eu vi. Todo mundo já teve uma Hullu na vida, empacando nossos caminhos.

Outra característica do livro que eu AMEI é que ele é CHEIO de reviravoltas. CHEINHO MESMO! Então se você gosta de reviravoltas, esse livro foi feito para você. É um livro, que, apesar do inglês, é MUITO fácil de devorar! Já estou ansiosa para o próximo!

“The Ice Coven”, entretanto, não é uma leitura leve. Com isso, quero dizer que você precisa ter estômago para ler, e não é uma leitura para todas as idades, também. É um livro mais pesado, que trata de assuntos mais polêmicos e sérios, como a depressão e a ansiedade, por exemplo, mas, se ao término dessa resenha você acredita que dá conta, é uma leitura que eu SUPER RECOMENDO. Vai sem medo!!!!!!!

Thanks for the free book, Penguin Random House International.

Para comprar “The Ice Coven” basta clicar no nome da livraria:

Amazon.





Arquivado nas categorias: Blog , Livros com as tags: , , , .
Postado por:
Você pode gostar de ler também
22.10
“The Book of Form and Emptiness” Ruth Ozeki ARC recebido em formato físico em parceria com a P...
20.10
Hoje, dia 20/10, a Netflix divulgou o primeiro clipe de “Rebelde” junto com a data de estreia da...
20.10
“Billy Summers” Stephen King Tradução: Regiane Winarski Suma – 2021 – 472 páginas Billy...
18.10
“As nove vidas de Rose Napolitano” Donna Freitas Tradutora: Lígia Azevedo Paralela – 2021 ...
15.10
Pensei Que Fosse Verdade Huntley FitzpatrickEditora Valentina - 336 páginas “O...
13.10
Sinopse: For anyone who has loved and lost, and lived to tell the tale, this gorgeously written deb...

Deixe seu comentário



Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *



Siga @idrisbr no Instagram e não perca as novidades
Facebook