29.03

Sinopse:Esqueça tudo o que você aprendeu sobre vampiros – eles definitivamente não brilham à luz do sol, e vivem em uma sociedade bem mais complexa do que você imagina. Rose e Lissa sabem disso melhor do que ninguém, e viverão cada aventura destes seis livros como se fosse a última. Paixões e vidas em jogo, traições e reviravoltas de tirar o fôlego fazem parte do mundo criado por Richelle Mead e povoado por personagens fortes e irresistíveis.

Academia de Vampiros” é uma saga que foi escrita por Richelle Mead e lançada entre 2007/2010 nos Estados Unidos e entre 2009/2013 no Brasil. Essa saga é composta por seis livros: “O Beijo das Sombras”, “Aura Negra”, “Tocada pelas Sombras”, “Promessa de Sangue”, “Laços do Espírito” e “Último Sacrifício” e fala sobre vampiros (obviamente), amores, amizades, laços importantes e muito mais. O primeiro livro foi transformado em um filme em 2014, com Zoey Deutch, Danila Kozlovsky, Lucy Fry e Dom Sherwood no elenco. Eu imagino que muita gente já ouviu falar dessa saga que é tão querida por todos nós, mas se você nunca ouviu, segue comigo que eu vou te apresentar devidamente a ela! (E se você já leu, segue aqui também, prometo que não vão se arrepender <3)

Logo de início nós somos apresentados a Rose Hathaway, uma dhampir de 17 anos, que fugiu da “Academia de Vampiros” com sua melhor amiga Lissa Dragomir, por acreditar que ela estava em perigo lá dentro, por ser uma das últimas pessoas da realeza Moroi. Assim como somos apresentados pra ela, logo ficamos sabendo que nesse mundo tem três tipos de vampiros: os Moroi, que são vampiros “puros”: eles não podem ser transformados em vampiros. O único jeito de você ser um vampiro Moroi é nascendo um. Os vampiros Moroi tem habilidades mágicas, eles podem controlar terra, ar, fogo, água e o temido espírito (que eu vou falar mais sobre adiante, segura aí!), eles podem pegar um pouco de sol que isso não os mata e se alimentam de sangue humano (sem nunca matar a pessoa de quem se alimentam), mas também podem comer comida normalmente.

Temos também os dampir: eles são híbridos de vampiros Moroi com seres humanos e, como a própria Rose menciona em um momento, tem o melhor dos dois mundos, já que não precisam se alimentar de sangue e não tem absolutamente nenhum problema em sair no sol. A maior parte dos dampir trabalha como segurança dos Moroi, bem como Rose pretende ser da Lissa.

E por último temos os strigoi, os grandes vilões de todos, eles são aqueles vampiros Moroi que não conseguiram se controlar e mataram uma pessoa enquanto se alimentavam, assim perdendo toda a magia que os Moroi tem e qualquer habilidade de pegar um pouco de sol que fosse. Mas, strigoi também podem ser transformados a força, tanto humanos quanto outros vampiros Moroi podem ser forçados a se transformarem.

“Às vezes os maiores testes da nossa força são situações que não são obviamente perigosas. Às vezes sobreviver é a coisa mais difícil.”

Como eu mencionei acima, Rose fugiu, levando Lissa com ela por acreditar que a amiga corria perigo e então elas passaram a viver no mundo humano normal, tentando ficarem escondidas e sobrevivendo juntas a tudo que vinha pra cima delas. Logo de cara nós já percebemos o laço forte que existe entre Rose e Lissa, algo diferente de qualquer outra coisa já vista antes, já como podemos ver que Rose acorda, sendo despertada pelo pesadelo que Lissa estava tendo, mostrando como Rose é “sugada” pelos sonhos e pensamentos de Lissa. Obviamente elas não conseguem se esconder para sempre e acabam sendo levadas de volta para a academia de onde tentaram tanto fugir e lá Rose vê que talvez ela não estivesse tão enganada e Lissa realmente estivesse em perigo, mas também é assim que Rose termina conhecendo o grande guerreiro dampiro de nome Dimitri belikov, que virá a ser um dos personagens principais da série.

Eu não posso entrar em muitos detalhes sobre isso, porque se não entregaria toda a história do primeiro livro e de como tudo se passa lá dentro da academia e do que vai acontecendo.

“— Eu desisti de você. O amor acaba. O meu acabou.”

Conforme os livros vão passando, nós vamos aprendendo mais sobre toda a mitologia e aí entra o que eu falei antes sobre os poderes dos vampiros Moroi, principalmente o poder do Espírito. O nome da Academia é “Academia St. Vladimir”, batizada com o nome do santo dos vampiros e que era muito conhecido por suas características peculiares, que eram dadas a ele pelo controle que ele tinha nesse elemento que é temido muito – que é algo muito raro no final das contas e quase nenhum vampiro tem. O elemento do espírito mexe com as coisas mais profundas: ele é capaz de trazer pessoas de volta a vida, não só pessoas, mas também animais e todo o tipo de ser vivo, até mesmo plantas. Ele é capaz de curar doenças e feridas e tudo mais. Além de, ser muito mais fácil para um usuário do espirito poder usar a compulsão que os Moroi tem naturalmente (mas que funcionam muito mais em humanos). O usuário do espírito não tem esse problema: ele pode enfeitiçar até mesmo outros Moroi a fazerem tudo que eles querem.

O problema é que assim como os outros elementos se alimentam daquilo que eles regem (fogo, terra, água, ar), o espírito também se alimenta do próprio espírito do usuário e isso pode acabar deixando os que o têm loucos. O usuário do espírito está fadado basicamente a não ter uma vida muito feliz ou saudável, porque a falta de usar o elemento pode acabar enlouquecendo a pessoa e o uso dele causa o mesmo, se alimentando cada vez mais de quem o usa, o levando a beira da depressão. St. Vladimir tinha uma grande ajuda do lado dele: Anna, sua amiga fiel, por ter sido trazida de volta a vida por ele foi “beijada pelas sombras” e com isso tinha um laço que tornava possível trazer para ela qualquer sentimento ruim e maldoso que tomasse conta dele quando fazia uso do elemento.

“A vida, infelizmente, não parece ligar para o que queremos.”

A cada livro que lemos, nós vamos conhecendo também com eles uma gama de novos personagens, que parecem chegar cada vez mais, mas como eles são muitos mesmo, eu só vou falar de alguns e o que eu acho pessoalmente deles.

Tem a protagonista, Rose Hathaway, que é uma dampir de 17 anos que treina e estuda para ser guardiã da Lissa quando as duas se formarem. Rose é dona de uma personalidade bem forte e geralmente não aceita levar desaforos para casa, além de ser muito badass nas lutas. Em um contexto geral, eu gosto dela, mas tem pequenos detalhes dela que me incomodam em pequenas coisas mesmo, como nas vezes em que ela é meio “egoísta”, mas apenas isso.

Lissa é de longe uma das minhas personagens favoritas. Eu acho que inúmeros fatores no livro fazem ela ser uma personagem mais complexa. Tem coisas que eu não posso dar detalhes aqui sem entregar muito dos plots dos livros e das coisas que acontecem com ela, mas Lissa é uma personagem maravilhosa.

“Parte de mim sabia que essa provavelmente era uma má idéia. Tudo bem, eu inteira sabia disso.”

Também temos o Instrutor Dimitri, que é a paixão – não tão secreta – da Rose, ele é um dampir da Rússia e bem, como um instrutor ele é exatamente o que se espera dele: sério, responsável e, quando o livro se inicia, ele é o guardião temporário de Lissa, já como Rose tinha planejado toda aquela fuga. Ele e Rose tem um relacionamento meio… tenso, já como teoricamente eles não deviam se apaixonar, porque sendo os guardiões de Lissa, eles tem que entrar na linha de frente para proteger ela e todos nós sabemos como funciona a cabeça dos apaixonados, sem contar que há “sentido” (dentro do universo dos livros, claro) nesse relacionamento, já como dampiros não reproduzem, o que faz o casal “Romitri” ter mais um obstaculo, além dele ser basicamente um professor para ela e mais velho, coisa que é, por regra, errada.

Christian, assim como Lissa, faz parte da minha lista de personagens favoritos em Academia de Vampiros. Ele é um “rejeitado” entre os outros Moroi por conta de seu passado e por causa dos seus pais. Ele é uma das únicas pessoas que não bajula ou trata mal Lissa quando eles se “conhecem” na volta dela, o que obviamente chama a atenção da princesa e bem, eu nem nego que eles são também o meu casal favorito. Eu acho muito bonitinhos os dois juntos e como tudo se desenrola entre eles.

“— Eu amava você! — gritou ele. Pulou de onde estava tão depressa que não previ isso. — Amava você e você me destruiu. Pegou meu coração e o despedaçou. Seria melhor ter cravado uma estaca em mim! (…) Eu. Amava. Você. E você me usou o tempo todo.”

Adrian nós só conhecemos a partir do segundo livro para compor o triangulo amoroso central e bem, como posso começar a explicar Adrian Ivashkov? Ele também é um dos melhores personagens que existe nos livros, sempre sendo meio sarcástico e cheio das respostinhas e uma das frases dele é uma das minhas frases favoritas de TODOS OS TEMPOS em todos os livros que já li!

Outros personagens importantes são: Mason, um dampir, amigo de Rose. Viktor, que é basicamente um tio da Lissa, Mia, que é a menina que odeia Lissa na Academia. Também tem Sydney Sage, Jill Mastrano e Eddie Castile que são importantes apesar de não terem um foco tão grande neles, fazem parte dos principais do spin-off de “Academia de Vampiros” que se chama “Bloodlines”!

“Manter o amor enterrado era como manter a raiva enclausurada, eu aprendi. Te corrói por dentro até que você querer gritar e chutar algo.”

Só tem uma coisa que, ao mesmo tempo que eu entendo o motivo, me incomoda é o fato dos livros todos serem dentro da cabeça da Rose basicamente, todo narrado por ela. Eu entendo porque assim nós podemos entender as coisas no mesmo momento que ela entende – apesar de também conseguirmos perceber algumas coisas antes. Mas também muitas coisas nós acabamos ou não vendo, ou vendo pelos olhos dela quando ela é sugada pela cabeça da Lissa.

Tem muita, mas muita coisa maravilhosa no mundo de “Academia de Vampiros” que fica até difícil citar todas. Como eu falei antes, é uma saga de livros que trata bem sobre vampiros, mas também fala sobre amizade, amor, tem lutas e também momentos dramáticos para quem prefere isso, tudo envolto em uma mitologia que faz a gente querer saber mais e mais. Eu indico para pessoas que gostam bastante desse tipo de livro, que amam vampiros assim como eu e querem ter a cabeça pirada completamente por essa saga maravilhosa!

Para comprar “O Beijo das Sombras” (Academia de Vampiros #1), basta clicar no nome da livraria (É preciso explicar que o livro está fora de circulação a anos. Para comprar um exemplar com a capa original, somente versões usadas. Já a ediução ti-ein, com a capa do filme, existem exemplares novos):
Saraiva, por R$ 9,90, o livro digital.
Submarino, capa tie-in, por R$ 24,90.
Amazon, capa original usado, por R$ 18,00.
Amazon, capa tie-in, por R$ 14,00.
Cultura, por R$ 9,90, o livro digital.

Arquivado nas categorias: Blog , Livros com as tags: , , , .
Postado por:
Você pode gostar de ler também
12.11
Novembro chegou e com ele muitos, muitos títulos bastante esperados! Vem com a gente ler tudo que...
08.11
Sinopse: Jeff Zentner, autor de Dias de Despedida, traz outra história comovente sobre família,...
05.11
Vem conferir o que sai lá na gringa esse mês! LANÇAMENTOS DE NOVEMBRO Call Down the Hawk (Dr...
01.11
“Os sete maridos de Evelyn Hugo” Taylor Jenkins Reid Paralela – 2019 – 360 páginas Lendár...
29.10
Mais um dia das Bruxas chegando e fizemos uma segunda lista com 10 filmes, séries ou livros, tudo...
25.10
Sinopse: Sophie sempre quis ir a um evento da sociedade londrina. Mas esse é um sonho impossíve...

Deixe seu comentário



Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *



Siga @idrisbr no Instagram e não perca as novidades
Facebook