17.05

Reino de Cinzas (Trono de Vidro #6)
Páginas: 938
Editora: Galera Record
Ano: 2019
SKOOB

Trancada em um caixão de ferro, Aelin luta para permanecer forte e resistir às torturas de Maeve, pois sabe que a sobrevivência de seu povo depende disso. Mas a cada dia que passa, parece mais difícil manter a determinação. Em Terrasen, Aedion, Lysandra e seus aliados se esforçam para conter a ameaça iminente, porém a força dessa aliança pode não ser o suficiente para barrar as hordas de Erawan e proteger Terrasen da destruição total. Enquanto isso, do outro lado do oceano, Rowan não irá desistir de encontrar seu amor, sua parceira, sua rainha.

À medida que os fios do destino se entrelaçam no explosivo final da série Trono de Vidro, todos devem lutar se quiserem uma chance de sobreviver.

Essa resenha contém spoilers dos livros anteriores de Trono de Vidro.

“Era uma vez, em uma terra que há muito se tornou cinzas, uma jovem princesa que amava seu reino…”

Depois de 7 anos (2012 foi o lançamento oficial e em 2013 tivemos o lançamento pela Galera Record), tivemos a conclusão da série Trono de Vidro. Uma saga repleta de fantasia, guerras, romance, mas principalmente fala sobre esperança e coragem e que fechou com chave de ouro.

Em Reino de Cinzas temos Aelin lutando por sua vida durante a tortura pela rainha Maeve, que depois de lermos Torre do Alvorecer (resenha aqui) descobrimos que ela não é apenas uma simples rainha e sim uma rainha Valg. Aelin tenta de todas as formas manter sua mente intacta diante as torturas com seu amigo Fenrys tendo que ver tudo e apenas podendo ajudar lembrando a nossa guerreira de quem ela é. Esse é um ponto que foi PERFEITO! Eu amo a forma como a Sarah desenvolve amizades tão puramente. Sem Fenrys eu tenho certeza que Aelin não ia durar um dia ali. Ao mesmo tempo, JAMAIS vou tirar o merecimento e a evolução da personagem. Eu lembro quando li o primeiro livro e por mais que eu tenha ficado bem curiosa com a trama, eu fiquei um tanto achando a antiga Celaena bem resmungona, porém conforme os livros iam passando, ela se tornou a personagem que mais amo em todos os livros que já li. A garota que saiu de uma mina após anos sendo escrava, se tornou uma personagem forte, amorosa, inteligente, leal e uma verdadeira rainha. EU AMO AELIN RAINHA RESTO NADINHA!

Enquanto sofremos com nossa rainha, os outros personagens que tanto amamos se separam para continuar a se preparar para a guerra e também,  tentar achar a nossa Coração de Fogo. Essa parte quase me levou a loucura porque ao mesmo tempo que lemos Aelin sofrendo, vemos seus amigos sofrendo por não conseguirem a resgatarem.

“Seja a ponte, seja a luz. Quando o ferro derreter, quando botões de primavera florescerem nos campos outrora manchados de sangue… deixe que a terra testemunhe. E retorne para casa.”

Vemos a separação dos personagens em grupos: Rowan e Elide saem destinados a achar nossa rainha, de outro lado temos Dorian e Manon indo a procura de seu clã além de tentar encontrar a terceira chave e ainda temos Lysandra e Aedion buscando aumentar o exercito de Aelin. E Sarah deixando cada livro mais que Aelin tem muitos aliados, também temos Chaol, Yrene, Nersyn e Elide ajudando de um lado antes de tentar encontrar o resto dos amigos. Até o momento sabemos o sumiço de Aelin é algo que poucos sabem já que Lysandra, nossa metamorfa, está fazendo o papel de rainha. Lysandra e Aedin e o exército conquistado de Aelin acabam já desde começo do livro sendo o grupo mais atacado já que Morath não mediu esforços e dei início aos ataques sobre Terrasen.

Eu sou completamente apaixonada por Sarah J. Maas por ela sempre fazer maravilhas com seus livros. Depois de tantos anos e livros é esperado que talvez alguns plots abertos nos começos dos livros, porém isso não acontece com o final de Trono de Vidro. Eu achei tão incrível a forma que ela entrelaçou os laços, como construiu um final para cada personagem (e quantos personagens não é mesmo?); principalmente já que tiveram personagens que apareceram há poucos livros e até mesmo eles tiveram um cuidado nesse livro.

Alguns pontos importantes ressaltar: Rowan: O amor e companheirismo desse homem com a Aelin foi tão lindo de ler que fiquei surpresa… Eu tinha minhas ressalvas com ele, principalmente depois de tudo que ela passou, mas esse livro encheu meu coração. Manon e Dorian: O QUE FOI ISSO TUDO??????? Desenvolvimento da Manon foi o principal pra mim. Ver todo o arco dela com as Treze e Bico-de-Ferro cortou meu coração ao mesmo tempo que encheu de orgulho. Ela com Dorian, eu preciso dizer algo? Só berros e choros obviamente! Ainda não perdoei a Sarah. Lysandra e Aedion: Nunca achei que ia odiar o Aedion, mas odeio ele agora e nada que ele falou até final do livro me fez perdoar ele não vai. Sobre Lysandra… RAINHA! Chaol e Yrene: Chaol que que eu tenho a ver? Mentira haha Mas ele teve seu papel nesse livro e agradeço, mas infelizmente assim como Aedion uma vez que peguei ranço não consigo mais… Porém, Yrene é puro amor! Nersyn e Elide: Queria muito que elas tivessem mais espaço já que são suas personagens muito especiais. Sobre a personagem principal, Aelin eu não consigo demonstrar tudo que essa mulher é pra mim… Nesse livro ela mostrou mais uma vez o quanto ela é forte, amorosa, rainha e um orgulho.

“Mesmo que essa escuridão fragmentada ainda morasse dentro dela, mesmo que falar fosse difícil, ela mostraria o que eles desejavam ver. A Portadora do Fogo, inquebrável. Aelin do Fogo Selvagem.”

Eu acho que esses livros me trouxeram tantos ensinamentos, tantos sentimentos e principalmente foram importantes durante meu próprio amadurecimento. Tantos anos participando da vida de Aelin, Chaol e Dorian e agora dou adeus com um aperto no coração, mas com sentimento de dever cumprido. Quem ainda não conheceu esses livros, CORRE PRA LER, porque acredite, Trono de Vidro vai mudar sua vida. E ei, Aelin eu jamais vou te esquecer… Você sempre vai ser a minha personagem favorita.

Para comprar basta clicar na livraria:

Amazon, por R$ 45,60 com brindes.
Saraiva, por R$ R$ 67,91 com o cupom LIVRARIA15.
Submarino, por R$ 63,99.
Cultura, por R$ 63,92.
Martins Fontes, por R$ 79,90.

Exemplar cedido pela Editora Galera Record para resenha.

Arquivado nas categorias: Blog , Livros com as tags: , .
Postado por:
Você pode gostar de ler também
19.07
Sinopse: Em seu primeiro livro para o público jovem adulto, a premiada autora Luisa Geisler narr...
15.07
A LC Agência de Comunicação está divulgando a Primeira maratona para escritores no Brasil, que i...
12.07
“Nightflyers” George R. R. Martin Suma – 2019 – 144 páginas Nas fronteiras do universo, um...
09.07
A coluna do mês de Julho chega com tantos lançamentos e notícias que segue o aviso pra vocês sen...
07.07
Vem conferir o que sai lá na gringa esse mês! LANÇAMENTOS DE JULHO Queen of Ruin (Grace an...
05.07
AVISO DE GATILHOS: Antes de começar a resenha, quero avisar que esse livro provavelmente seja indic...

Deixe seu comentário



Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *



Siga @idrisbr no Instagram e não perca as novidades
Facebook