08.09

padrao_godfrey

Godfrey Gao, nosso Magnus Bane concedeu uma entrevista à XEX magazine, confira abaixo uma prévia dessa entrevista que foi disponibilizada no site da revista e traduzida pela nossa equipe:

Os livros da série Os Instrumentos Mortais venderam mais de 22 milhões de cópias com uma vasta base fãs internacionais. Que tipo de pressão isso exerceu sobre você em sua interpretação de Magnus Bane?
Quanto mais o sucesso dos livros crescer, mais feliz eu estou… e ter essa oportunidade de interpretar Magnus Bane é realmente emocionante. É claro que haverá pressão em interpretar um dos papéis favoritos dos fãs da série, é por isso que eu esqueci de colocar as minhas calças durante a minha cena… haha. Como um personagem fictício dos livros, é sempre difícil abranger o sentimento certo para retratar o personagem 100 por cento… e como ator é sempre um desafio a ser cumprido, mas eu amo desafios e você sempre pode fazer seu próprio personagem!

Os fãs de Os Instrumentos Mortais sentem que Magnus Bane é um dos personagens mais importantes do mundo dos Caçadores de Sombras. O quão entusiasmado você está com essa franquia?
Muito entusiasmado! Mal posso esperar para vestir meu figurino de Magnus novamente, começar a filmar, dar mais algumas festas e lançar mais feitiços! Quero dizer… quem não gostaria de fazer isso?

Cassandra tem sido bem protetora em relação a seu personagem e a você como ator chamando você de “o homem mais quente do mundo”. Como ter esse nível de suporte da autora fez você se sentir?
No começo fez com que eu me sentisse estranho, mas eu graciosamente aceitei isso depois que eu vesti o figurino de Magnus Bane, porque eu não usava calças, mais glitter… eu definitivamente me senti o meu quente… na verdade talvez o mais bonito… haha!

Quais são algumas de suas características favoritas em Magnus Bane?  Você seria atrevido o suficiente para entrar em sua festa de cuecas?
Seu estilo, sentimentalismo, atrevimento e estilo de vida extravagante me intrigaram no começo… e eu amei cada momento no set. Eu seria muito envergonhado até mesmo para vestir sungas apertadas na piscina, para não mencionar uma festa.

Como é o seu senso fashion comparado ao seu personagem, Magnus Bane? Menos glitter, presumimos?
Livre de glitter. E se eu fosse escolher alguma semelhança seriam os ternos customizados para se ajustarem ao meu corpo comprido! Eu geralmente gosto de usar coisas mais casual no dia a dia.

Você foi jogado nos holofotes internacionais quando se tornou o primeiro asiático homem modelo da Louis Vuitton. Nos fale mais dessa experiência e como você se sente agora sendo chamado por muitos de Supermodelo?
Foi uma oportunidade de vida. Eu estou honrado e orgulhoso de ser o primeiro rosto asiático para uma marca de luxo de tanto sucesso e eu espero ansiosamente pelo dia e que eu poderei contar para os meus filhos a minha história e mostrar a eles a campanha do anúncio. A experiência foi inesquecível porque era meu 26º aniversário quando nós filmamos a primeira tomada e foi em uma selva de Cameron Highland em KL na Malásia. O time inteiro foi super profissional e eu me senti super relaxado na sessão. Foi quase um feriado de luxo de presente para mim onde eu podia viajar, trabalhar e me divertir.

Você mencionou algumas vezes que esse é seu inglês falado de estréia, como foi conversar com a imprensa americana e com os fãs?
Certamente é minha primeira coletiva de imprensa na América do Norte, e vamos apenas dizer que eu me senti realmente confortável fazendo entrevistas em inglês ao invés de mandarim.

Como a indústria de filmes é diferente na América do Norte do que na Ásia? Nós ouvimos falar que não há dias de descanso durante o planejamento do filme.
O planejamento do filme é realmente amontado na Ásia e as pessoas tendem a trabalhar durante os feriados, enquanto na América do Norte algumas produções tem fins de semana e feriados de folga. Prós e contras de ambos os lados; desde que você coloque sua bunda para terminar o projeto assim que possível, é igualmente curto aos dias de filmagem da Ásia; ou filmar em um passo confortável e ter fins de semana de folga mas ter dias de filmagens mais longos.

Fonte

 

Arquivado nas categorias: Entrevistas , Godfrey Gao com as tags: , , , .
Postado por:
Você pode gostar de ler também
25.03
Em uma nova entrevista para a Teen Vogue, Cassandra Clare falou sobre “Chain of Gold”, o 1º liv...
27.02
O site publishersweekly postou uma matéria que eles fizeram com Cassandra em especial para o lança...
20.03
Durante o evento que aconteceu em Londres da turnê “King and Queen”, com Cassandra Clare e Holl...
23.01
Cassandra Clare deu uma longa entrevista falando sobre o que podemos esperar de seus próximos livro...
17.01
Cassie deu uma entrevista ao Writer's Digest onde ela fala bastante sobre o processo de escrita dela...
27.11
Com o lançamento de "Queen of Air and Darkness" se aproximando, Cassie deu uma entrevista para ...

Deixe seu comentário



Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *



Siga @idrisbr no Instagram e não perca as novidades
Facebook