17.05

padrao_cassie

Que a autora Cassandra Clare não está envolvida na produção da série de TV “Shadowhunters”, que adaptará a saga Os Instrumentos Mortais, não é nenhuma novidade para os fãs. E alguns fãs ficaram até mesmo revoltados com esse fato, e a indagam constantemente sem saber que na verdade a resposta para essa pergunta é bem mais complicada do que imaginam.

Por isso, a Cassie respondeu a um fã, para tentar, de uma vez por todas, acabar com esse tipo de dúvida. Confiram traduzido abaixo:

Por que você não está envolvida com o roteiro ou nada do tipo para a série de TV? Como autora, você não deveria estar envolvida para garantir que a série não divirja de suas ideias como foi com o filme? — the-paper-magician

Como o Rick Riordan disse, não seria ótimo se você pudesse comprar apenas bilhetes de loteria premiados?
Quando um autor vende os direitos de seu trabalho para adaptações no cinema ou TV, isso quase sempre significa abrir mão de controle criativo. Há algumas exceções, e as pessoas acabam dando grande importância para elas (J.K. Rowling teve uma voz ativa nos filmes de seus livros, E.L. James teve controle sobre a escalação) mas esses casos são extremamente raros e acontecem sob circunstâncias especiais – circunstâncias as quais eu não me enquadro: não aconteceu quando vendo meus direitos, e nem depois.
Eu vendo os direitos para uma pequena produtora, que então vendeu para outra. O contrato original que eu assinei era da Warner Brothers. Eu vendi para eles por uma pequena quantia de dinheiro na época. Eu precisava daquele dinheiro para sobreviver, e recebi o mesmo contrato padronizado que os outros 99% de outros autores. Meu agente ficou muito feliz com o contrato porque vender os direitos é algo muito empolgante para os autores, e era um contrato completamente normal e padronizado.
Eu não obtenho mais os direitos de adaptação dos meus livros. Todas s decisões são feitas pela produtora e sua equipe. Me pedir para que eu garanta que certas coisas aconteçam é como me pedir para redecorar uma casa que vendo para alguém.
Por que as pessoas vendem os direitos de seus livros, se isso significa não ter nenhum controle criativo sobre o projeto? A maioria dos autores não têm os recursos para adaptar seu trabalho para o cinema ou TV. Não vender os direitos significa que um filme ou série de TV baseados em seu trabalho nunca acontecerão. É para isso que servem as produtoras!
Mas por que não insistir que você não abrirá mão de controle criativo? Pela simples razão que nenhuma produtora jamais comprará os direitos de sua obra. Filmes e séries de TV custam milhões de dólares para serem feitos. Quando ninguém arriscará milhões de dólares em um projeto que pode ser suspendido, modificado ou cancelado por causa da escolha de uma pessoa, especialmente alguém que nem sequer trabalha na indústria cinematográfica.
Então, a pergunta “Como autora, você não deveria estar envolvida para garantir que não divirjam de suas ideias originais como foi com o filme?” é um pouco estranha, já que filmes não divergem da ideia original do autor porque o autor não se importa ou é preguiçoso demais, ou distraído ao notar que um filme ou série está acontecendo. Autores têm a quantidade de controle ou opinião a que eles são concedidos por quem está produzindo o filme ou série de TV. Sem tirar nem por.
Certamente, conforme as coisas mudam no mundo, e os autores têm mais contato com seus fãs nas redes sociais, os estúdios começaram a se abrir mais à inclusão dos autores no processo de adaptações. Por exemplo, foram mostradas para mim audições de todos os personagens. Eles não têm obrigação legal nenhuma de me mostrar algo. Nunca. Eles estão fazendo isso, presumidamente, porque querem minha opinião e entendem que isso importa para os fãs.
Quanto aos roteiros, ainda estamos em um estágio em que eu não vi nada deles. Isso não significa que eu nunca os verei. Eu não sei. Certamente não tenho o controle em nível de insistir que os atores pintem o cabelo ou leiam meus livros. Eu nunca ouvi de nenhum caso em que o autor tivesse esse poder.
Eu entendo que o que é ver um filme ou série baseado em um livro que você ama e sentir que o livro não foi tratado com respeito, mas há também adaptações maravilhosas por aí. Tudo culmina para a afirmação de que se você não arrisca ter um filme ou série ruins adaptados de seu livro, você também nunca terá um filme ou série bons. É um risco que alguns de nós decidimos tomar, porque acreditamos no nosso trabalho e nas histórias que criamos, e queremos ver essas histórias tomando uma forma nova e empolgante.
Como a Ally Carter disse em um post:
Basicamente, as chances de ter um filme ser feito são grandes… As chances de ter um bom filme, são minúsculas.
Mas continuamos tentando.
Continuamos tentando a todo o momento.

FONTE

Postado por:
Você pode gostar de ler também
02.04
Cassie enviou uma newsletter hoje e vocês precisam ler porque está HILÁRIA. Escrevendo como se fo...
26.03
Cassie enviou uma newsletter no dia de ontem (25/03) em que ela confirmou que estará na YALLWest de...
16.02
No último domingo, dia 14 de fevereiro, Cassie fez uma live com a Cat, do TMI Source! A live é ót...
13.02
Cassie enviou uma nova newsletter e nela tem uma nova imagem de header, assim como as datas das turn...
06.02
Cassandra Clare editou um post de junho de 2019 falando sobre as datas de publicações de suas futu...
21.01
Cassie fará uma turnê virtual para o lançamento de “Chain of Iron” e a EW divulgou todos os d...

Deixe seu comentário

5 comentários em “Cassandra Clare explica o motivo de não estar envolvida na produção de “Shadowhunters””



  1. Vitória Fernanda Herondale disse:

    na minha opinião se os diretores querem produzir um filme ou uma serie de sucesso que será baseada em livros eles deveriam deixar os escritores terem uma voz na produção,porque ninguém conhece a obra melhor do que quem a criou.

    1. Camila disse:

      E se eles tiveram interesse é pq daquele jeito dos livros ta bom… mudar pra que? Sabe que os fãs gostaram da historia do jeito que ta

      1. Vitória Fernanda Herondale disse:

        Concordo com vc, porque não necessidade de mudar uma historia tão boa.

  2. Izzys Garcia disse:

    Eu teria exigido participar de algumas decisões, afinal ela é a autora. Mas Cassie bobiou

    1. CibelleA. disse:

      Mas acho que esse é o problema. As produtoras não iriam querer comprar, porque elas iriam perder o direito de algumas decisões, e a Cassie como ela mesmo disse, não sabe da industria cinematográfica =/





Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *



Siga @idrisbr no Instagram e não perca as novidades
Facebook