10 anos de “Cidade dos Ossos”!

Cassandra Clare, Cidade dos Ossos

Hoje, 27 de março de 2017, é o aniversário de 10 anos da primeira publicação de “City of Bones” (em português, “Cidade dos Ossos”, o primeiro livro dos (então trilogia) “Instrumentos Mortais“. O livro superou as expectativas e já conseguiu uma segunda edição em menos de um mês de venda, também chegando a lista dos mais vendidos do jornal New York Times, em uma época que “Lua Nova” (da série Twilight) e “A Menina que roubava Livros” também estava na lista.

Cassandra Clare vendeu os direitos de publicação do livro em 2006, com a primeira edição saindo no ano seguinte. Desde então não mais parou, escrevendo as continuações “Cidade das Cinzas” e “Cidade de Vidro”, logo depois começando a trilogia “As Peças Infernais”, sem nunca deixar de participar de diversas antologias com seus contos (alguns lançados no Brasil, como “Zumbis x Unicórnios” e “Aconteceu Naquele Verão”).

Assim que foi publicado, “Cidade dos Ossos” tinha duas capas em sua versão inglesa: a norte americana e a da inglesa:

Já aqui no Brasil, “Cidade dos Ossos” foi publicado pela Galera Record somente em 2010 e por muitos e muitos anos, sua capa foi somente uma, até que em 2016 a editora lançou um box com todos os livros com as novas capas. As capas no Brasil, apesar de manterem a mesma imagem da versão norte americana, todas contem homografia (os famosos “brilhinhos”), divergindo das capas dos Estados Unidos.

Os números precisos de quantas cópias “Cidade dos Ossos” vendeu é impreciso, mas sabemos que todos os livros de Cassie já venderam mais de 50 milhões de cópias ao redor do mundo e traduzido para mais de 35 linguas diferentes, um número massivo que é fundamentado no Mundo das Sombras – que começou com “Cidade dos Ossos”.

Por isso, não deixe de parabenizar Cassandra Clare em seu twitter e se junte a tag #CoB10thAnniversary durante todo o dia!

Para entender todo o mundo das sombras e “As Crônicas dos Caçadores de Sombras”, basta vir AQUI.

Para ler extras traduzidos de “Cidade dos Ossos“, basta vir AQUI.