Cassie fala sobre a marca Herondale em “Son of the Dawn”

Ghosts of the Shadow Market

Continuando suas respostas sobre “Son of the Dawn”, o 1º conto de “Ghosts of the Shadow Market”, Cassie agora respondeu sobre a marca em formato de estrela que Jace, como um Herondale, tem. Confiram a resposta já traduzida e adaptada por nossa equipe, que contem SPOILERS do conto:

Olá, Cassie. Eu chorei demais lendo Son of the Dawn, foi tão lindo. Obrigado a você a Sarah por aquilo! Eu tenho uma pergunta sobre o Jace crescendo com os Lighwtoods e Hodge: Como durante todos esses anos nenhum deles viu a marca de estrela do Jace (enquanto limpava uma ferida como na história ou ajudando no treinamento, eu não sei) e perceberam que ele era o Herondale? Eles não saberiam o que aquilo significava devido ao Stephen? A marca vinda de um anjo não parece ser algo que seria mantido em segredo. – nandawrites

Aw, obrigado por ler e nos contar que você gostou! Nos divertimos muito escrevendo.

A marca Herondale não é diferente de uma cicatriz, e Jace infelizmente já chega nos Lightwoods com várias cicatrizes em seu corpo. Jocelyn e Clary não são Herondales, e elas tem uma marca parecida (entretanto não igual), devido aos experimentos de Valentim, que a Clary acha que é simplesmente cicatriz de catapora. Então se algum dos Lightwoods vissem a marca no Jace, bem, como Gideon falaria em TID, os caçadores de sombras são pessoas de várias cicatrizes, e cicatrizes vem em todos os formatos. A marca de estrela não está sempre no mesmo lugar também, então eles teriam que investigar o corpo inteiro do Jace com muito cuidado, e pensando bastante na cicatriz dos Herondales, mesmo que os Herondales não sejam a única família que tem orgulho de ter uma marca ou cicatriz que os fazem especiais. — E até mesmo porque eles não tem porque estarem pensando nos Herondales de qualquer forma.
Os Herondales tem uma lenda sobre sua marca de anjo. — que lhes foi dado por um anjo. E essa é a história deles, eles vão mantê-la. “Totalmente escolhidos pelo anjo, nós somos supremamente nefilim” — Mas de novo, eles não são a única família com uma lenda, e enquanto podem ter tido ótimos Herondales, também houveram alguns bem questionáveis. Insegurança sobre a sua herança pode ter sido muito bem a causa pela qual Stephen se juntou ao Círculo, e pela da rigidez de Imogen. Ambos estavam tentando provar que eram caçadores de sombras verdadeiros, e no processo eles acabaram se tornando seres humanos não tão bons.

Os Herondales não mostravam sua marca por toda cidade, mesmo que eles estivessem bem cientes daquilo. Então, por exemplo, Robert pode ou não ter visto a marca do Stephen, mas se ele viu, ele não estudou sobre aquilo e pensou muito, e ele não estava procurando por ela no Jace: eles todos pensavam que sabiam quem Jace era, e quem era seu pai. Maryse não gosta de pensar sobre seus dias no círculo, e provavelmente também não viu a marca do Stephen ou até mesmo soubesse dessa história sobre os Herondales. Roberto era a pessoa que conhecia o Stephen melhor, mas Robert também era a última pessoa que iria suspeitar — Ele queria que Jace fosse filho de Michael, para que ele pudesse se redimir pelo que fez com Michael. Se Jace fosse filho de Stephen Herondale, ou de Valentim isso significaria que Michael morreu e seu filho morreu, horrivelmente, anos antes, e Robert nem mesmo sabia, e Robert não poderia se redimir por tudo. Ele teria apenas a sua culpa e luto, e o conhecimento de que quando você é fraco e cruel, você faz algo errado que não pode nunca ser remediado.

Em resumo: Nem todo mundo sabe sobre a marca Herondale, ou acha que é algo importante, não porque é um segredo, mas porque existiam milhões de histórias no mundo dos Nefilim; Se a origem do Jace tivesse sido misteriosa, as pessoas poderiam ter procurando por sinais ou semelhanças com alguém ou algo, mas todo mundo tinha certeza de quem ele era e de onde veio, e por isso não procuraram. É isso.

O primeiro conto de “Ghosts of the Shadow Market” está à venda na Amazon por R$ 9,43 e você pode comprar clicando AQUI. O conto pode ser lido com o aplicativo Kindle em qualquer dispositivo (tablet, celular, computadores) e é gratuito – baixe clicando AQUI.

Para saber tudo sobre “Ghosts of the Shadow Market” e seus contos, basta clicar AQUI.

Fonte

Assuntos