Cassie respondeu várias asks em seu tumblr, onde ela fala sobre “Queen of Air and Darkness”, fala também sobre os Herondales, sobre o relacionamento de Alec e Izzy e sobre os personagens terem filhos. Confira:

jules-sonofthorn: Oi, Cassie. Antes de tudo eu queria dizer que amo seu trabalho e você é minha escritora favorita. Eu queria perguntar algo que não me deixa dormir mais, é sobre Dru. Ela vai encontrar Ash ou Jaime de novo?

Ela definitivamente vai ver os dois novamente. 🙂

skylar-cashman: Oi, Cassie! Eu literalmente amo seus livros mais do que tudo e estava me perguntando: Helen e Aline vão adotar alguma criança? Também, nós vamos ver algum outro personagem tendo filho no futuro?

Bom, eu gostaria de dizer que nem todo personagem ou pessoa quer uma criança, e é importante para mim, mostrar que alguns casais felizes escolhem não ter crianças e tem uma vida completa ainda assim. Além disso, agora com uma guerra começando e o caos total infestando, provavelmente a maior parte dos personagens não está planejando crianças – de toda forma, ás vezes elas simplesmente aparecem em sua vida, apenas pergunte a Malec!

totallyinsanebutcute: Oi, Cassie! Eu sempre quis saber por que em Cidade dos Ossos, Jace não visita Clary quando ela está na enfermaria assim que ela chega ao Instituto? Eu pensei que pode ser porque ele não sabe se ela vai sobreviver.

Jace já tinha sentimentos por ela e isso o acertou. Ele não gosta de se sentir vulnerável. Jace ficando de boa, calmo e tranquilo, sempre um pouco divertido e distante é parte da estratégia de sobrevivência dele. Como Alec (eles não são sempre tão diferentes), ele é imensamente privado, não é propenso a dramas e demonstra sempre o que ele sente mais fortemente. A ultima coisa que ele quer é lidar com uma vulnerabilidade não esperada sobre uma completa estranha. Ficar distante, na verdade, mostra mais o que ele sentiu do que se ele tivesse ficado na volta com curiosidade.

cbyc111: Primeiro de tudo, eu queria dizer que eu admiro e amo você como escritora e como pessoa. Minha pergunta é se nós vamos saber algum dia como Izzy descobriu que Alec é gay. Ele falou pra ela ou ela perguntou a ele? Eu li todos os livros e histórias, mas acho que isso nunca foi explicado. Obrigada <3

Nós sabemos que Isabelle sabe que Alec é gay em “Cidade dos Ossos” e que ela ama Alec demais, e eu acho que fica bem claro pela forma como eles conversam sobre Magnus e como Izzy fala para Clary sobre a sexualidade de Alec que eles não sentaram e tiveram uma grande, longa e aberta conversa sobre isso, porque Alec não está lá em termos de estar confortável com a sua própria sexualidade. De fato, é bem claro que ele nunca falou com ninguém – Izzy incluída – sobre os sentimentos dele por Jace. Eu totalmente entendo querer saber mais sobre Alec e sobre Izzy e seu relacionamento – e em “Son of the Dawn” vocês vão ter como olhar dentro da mente de Izzy e o que fez ela perceber que o irmão dela não era hétero.

havisha1212: Você pode nos dar mais informações sobre Shade? Sinto muito que eu fique te fazendo perguntas, mas estou desesperado. Beijos de Atlanta, o sul homofóbico, onde eu fico sozinho… quer dizer, seus livros realmente me ajudam.

Eu fico feliz de saber que meus livros ajudam! Nós vamos saber mais sobre Shade em “Queen of Air and Darkness”.

dreamingofbigthings9: Você vai escrever mais livros sobre Clary e Jace ou até mesmo sobre outro Herondale? Eu amo ler sobre Will, Edmund, Jace e os romances deles. As personalidades espirituosas e afiadas deles são as minhas favoritas!

Bom, eu espero que você aproveite Kit Herondale em “Os Artifícios das Trevas”. Ele é espirituoso e sarcástico, se você me perguntar, e tem uma grande historia de amor por vir. 🙂 Ele também é um dos personagens principais de “The Wicked Powers”, junto com Dru e Ty. E também tem James Herondale que é um dos principais em “The Last Hours”, assim como Will foi em “As Peças Infernais”. De fato, não vai ter falta de Herondales por aí. Lembre, se você não sabe qual seu sobrenome é, provavelmente é Herondale.

a-9-8-7: Max também vai estar doente em “Os Artifícios das Trevas”? Ou ele é muito novo não tem magica ainda e não é afetado?

A doença afeta quem mais usa magica, como eles descobrem, então Max não está tão doente no inicio de QoAaD, porque ele é muito novo para ter usado. Magnus, por outro lado…

crimzielightwood: Oi! Eu sou nova nesse negocio de tumblr, então me desculpe se eu fizer algo errado. Em “Queen of Air and Darkness” nós vamos ver novas interações? Eu sempre esperei que tivesse uma cena entre Julian/Cristina ou Dru/Kit.

Sempre tem novas interações. Eu acho – Diego e Kieran são divertidos. Kieran pensa que Diego é teimoso e excessivamente respeitador das regras, e incomoda ele sempre se escondendo na Scholomance. Diego acha que Kieran é irritante por constantemente se esconder na Scholomance; de todo jeito, eles dois tem em comum que gostam da Cristina.

Kit acaba passando mais tempo com Dru; ele descobre que ela tem um apreço por crime e gosta de ensinar a ela golpes, a arrombar fechaduras e outros truques.

carolbaneherondale: Oi, rainha Cassie. Eu espero que você veja minha pergunta, porque eu fiz esse tumblr só pra falar com você. Sobre “The Eldest Curses”: nós vamos saber o nome real de Magnus? Nós vamos descobrir porque ele não pode viajar para o Peru? Eu sinto que vou morrer sem descobrir isso. Eu realmente amo Magnus e quero saber todos os detalhes da vida dele. Espero que ele melhore em “Queen of Air and Darkness”, o final de “Senhor das Sombras” me preocupou. Obrigada por ser incrível e acessível. Amo você!

Eu amo você também. Fico feliz que você queira saber mais sobre Magnus! Quando Alec e Magnus terminaram em “Cidade das Almas Perdidas”, Alec diz que ele nem sabe o nome real de Magnus. “The Red Scrolls of Magic” é antes desse livro (toma lugar entre “Cidade de Vidro” e “Cidade dos Anjos Caídos”), então Magnus não pode falar pra Alec o seu nome de verdade, mesmo que ele diga a Alec que tem um, e a ultima pessoa que chamou Magnus assim foi o padrasto dele. (E isso, como nós sabemos e também vamos ver em TEC… não terminou bem.) Em Red Scrolls, Magnus realmente tenta se abrir para Alec e tem sucesso em certa extensão, mas a combinação entre as inseguranças de Magnus com o passado dele e as inseguranças de Alec quanto o relacionamento deles, torna as coisas difíceis. Mas, às vezes, as coisas difíceis são as que mais valem a pena. Uma coisa que eu posso dizer é, Magnus é realmente o nome de Magnus – é o nome que ele escolheu, e a jornada de Alec de entender Magnus, é sobre entender isso também. Mesmo assim, a pergunta sobre o nome real de Magnus é levantada, e isso significa que fica para “The Lost Book of the White”.

O que quer que aconteça com Magnus em “Queen of Air and Darkness”, vocês sabem que Alec vai estar lá, a cada passo do caminho e até mesmo nos portões do inferno… se isso serve de consolo. 😉

A brincadeira sobre o Peru é isso, enquanto nós sabemos muito do que Magnus fez, Magnus estava tão bêbado que ele não tem certeza do porque ele foi expulso do Peru… mesmo que a gente tenha visto muitas razoes do porque pode ter sido! Então vocês sabem o tanto quanto Magnus sabe depois daquele conto… mas vocês podem descobrir mais coisas algum dia.

daisyloveslucie: Oi, Cassie! Eu gostaria de saber mais sobre Julie Beauvale e Beatriz Mendoza. Elas são as primeiras meninas parabatai que você nos mostrou, e eu amo elas demais! Elas se conhecem desde crianças? Quando elas ficaram sabendo que queriam ser parabatai? Onde está Julie agora? Eu sei que Beatriz está trabalhando no Instituto de Nova York, mas e a parabatai dela? Eu gostaria de saber se elas vão aparecer de novo em alguns dos seus livros (QoAaD talvez?). Eu amo você demais, seus livros me ajudaram muito!

Aw, você é tão doce. Eu fico feliz que você gosta Julie e Beatriz. Foi divertido escrever elas no sentido de que elas estavam tendo um sromance (igual bromance, mas com garotas!) que Simon não tinha o menor conhecimento. Eu acho que Julie e Beatriz não eram tão próximas antes de irem pra Academia, mas conhecendo Simon, George e Beatriz, a mente de Julie e a forma como ela queria viver, mudou para sempre, e ela quis (e pediu) para Beatriz ser parabatai dela pelo mesmo motivo que eu acho que muitas pessoas querem um parabatai… para ter alguém que mantenha eles no caminho certo, que os tornem Shadowhunters melhores, não só na pratica, mas na moralidade. Parabatai geralmente não ficam separados por grandes períodos de tempo, a menos que algo tenha dado errado ou é uma parte necessária dos deveres deles, então onde Beatriz estiver, Julie está chegando logo.

sweetielloyd: Oi, Cassie. Espero que você esteja bem, muito amor para você da Argentina. Eu estava me perguntando se você pode nos falar: como vai ser o relacionamento de Tessa e James? E o de Tessa e Lucie? Estou bem curiosa sobre como Tessa é como mãe.

Nós já vimos um pouco sobre como Tessa é como uma mãe nos contos sobre James em “As Crônicas de Bane” e “Contos da Academia Shadowhunter”, mas vocês definitivamente vão ver mais! Eu acho que Tessa é uma ótima mãe, tentando dar para as crianças dela amor e segurança que ela não teve… mas isso significa que os dois filhos de Tessa, amando ela, nunca querem admitir que o sangue de feiticeiro torna a vida deles mais difícil, e Tessa vai por um longo caminho tentando encontrar informações para ajudar as crianças dela, mas ela e Will também tem que enfrentar o fato de que, não importa o quanto você ame suas crianças, você não pode proteger eles do mundo. Eles tem que ser parte do mundo.

Em “Nothing But Shadows”, nós vamos que James ama muito a mãe dele e ele fica na Academia porque ele não quer magoar ela indo para casa e deixar todo mundo saber que é por causa do sangue de demônio dele: seu desejo máximo de proteger a mãe dele, como ela sempre o protegeu, é uma grande motivação pra ele em “The Last Hours” e eu acho que é uma grande indicação de como eles amam um ao outro e como esse amor pode machucar eles dois – no sentido de que eles se machucam mais vendo o outro machucado e eu temo que tem muita dor vindo para eles dois. Em “Casts Longs Shadows” que vem em maio, nós pegamos uma pequena parte do relacionamento de Tessa e Lucie, e James conta para Matthew um segredo sobre a mãe dele…

queenhelenblackthorn: Oi, Cassie! Eu estava querendo entender uma pequena confusão com uma cena em “Cidade das Almas Perdidas” na qual Alec pergunta a Aline se Helen era namorada dela, como se ele nunca tivesse conhecido ela antes e não estivesse presente quando elas se conheceram. Foi deliberado da parte de Alec já como todo o negocio na Itália foi super secreto?

Sim, foi, e pode explicar porque Alec estava um pouco estranho nessa situação… mesmo que estranheza é, nós esperamos, parte do charme de Alec. Como eu disse em minha resposta anterior sobre porque Alec não pode contar para Jace e os outros em “Cidade dos Anjos Caídos”, a prioridade de Alec é proteger Magnus. Ele sabe por sua própria experiência e seus próprios medos que a Clave é profundamente intolerante, e tem coisas do passado de Magnus que podem fazer ele ser executado pela Clave: Alec não está errado em ter medo por ele. Vocês podem notar que depois de “Cidade do Fogo Celestial” está claro que nenhum da gangue de TMI está espalhando sobre quem o pai de Magnus é. A verdade sobre o pai de Magnus (e de fato… o pai de Tessa…) é algo que deixaria eles em uma nuvem de suspeitas e medo, para sempre e o medo não seria sem justificativa.

Fonte [x], [x], [x], [x], [x]