Resenha: Peter Pan – J.M. Barrie

Blog, Livros

Sinopse: Clássico das literaturas inglesa e mundial. Peter Pan transporta crianças e adultos para um mundo mágico povoado pela família Darling e pelos habitantes da Terra do Nunca – Peter Pan, Sininho, Capitão Gancho e seus piratas…

Não se deixem ser levados pela sinopse, porque não existe nenhuma sinopse capaz de simplificar a magia desse livro. Você provavelmente deve estar pensando que essa não é uma boa escolha, que você já viu o filme, ou que é só mais uma história da Disney e não tem nada de impressionante pra ser visto aqui.
Se você pensa isso, esse livro provavelmente não é para você, ou melhor dizendo, você provavelmente não é para esse livro.

Quando eu era criança, constantemente ouvia os adultos ao meu redor me dizendo para aproveitar minha infância. Eu, obviamente, não entendia o porquê e honestamente tinha outras preocupações em mente, como qual ia ser a brincadeira da hora do intervalo, por exemplo. Diferentemente da maioria das crianças que anseiam por crescer e experimentar tudo que podem experimentar, eu nunca quis nada disso, e agora, na fase adulta, posso afirmar que eu, como a maioria das pessoas que crescem, passo boa parte do meu tempo desejando ter aproveitado mais minha infância, ou procurando uma forma de escapar por um tempo.
Só uma forma de pausar tudo por alguns instantes.

Esse livro foi o meu botão de pausa.
Provavelmente o melhor livro que eu vou ler esse ano, e o ano mal começou.
Se você até agora acha que tudo que eu disse é besteira, acha maravilhoso ficar atolado(a) em trabalhos da escola, da faculdade, horas no trabalho ou no estágio, acordar cedo, longas noites sem dormir começando a se preocupar com coisas que nunca achou que deveriam ser preocupantes, então esse livro definitivamente não é para você (pelo menos não ainda). Mas se você também busca uma pausa, só um momento de distância de toda a loucura do dia-a-dia, do caos do mundo, do preconceito, das notícias do jornal e dos seus problemas, esse livro com certeza vai te dar o que você procura.

Peter Pan, quando criança, me fascinava pelos motivos óbvios:
Um menino, que não crescia, em uma terra mágica, onde ele podia fazer o que quisesse. Depois de ter crescido e lido esse livro (apesar de ainda ficar um pouco fascinada com isso, eu admito), o que realmente teve apelo para mim é o que eu não podia entender quando criança, já que nunca havia sido adulta: não o modo como nós crescemos, porque Peter me mostrou que esse não é o problema, mas sim o modo que conforme nós crescemos, acabamos permitindo que certas coisas sejam tomadas de nós, e a forma como excluímos tanta magia das nossas vidas.

O livro é a versão final da história escrita por J.M. Barrie, que passou boa parte da vida trabalhando em Peter Pan, e conta a história original do menino (e não a versão mostrada pela Disney). Aqui no Brasil, a história original chegou pela editora Zahar, é de capa dura, e não posso expressar o suficiente o quanto eu amei a capa e a folha de rosto do livro.
A narração é em terceira pessoa, de uma maneira totalmente diferenciada, de modo que o narrador nos diz o tempo todo ao longo do livro como cada um dos personagens se sente e o que se passa na cabeça deles, nos ajudando a compreender o porque de eles fazerem as escolhas que fazem.

O livro não é muito comprido também. São apenas 253 páginas, ou seja, se você for desocupado ou tiver um dia de folga, pode tranquilamente ler em um dia.

Ao longo de cada uma dessas páginas, Peter, Wendy, João, Miguel, os meninos perdidos (e até Sininho, que passei a detestar), nos mostram como é maravilhoso viver em um mundo livre de preocupações e preconceitos fúteis e superficiais, uma ilha onde para ser feliz precisamos de tão pouco e nada além do muito que já existe dentro da gente. E que chegar a algum lugar é puramente uma questão de acreditar sem questionar.

Peter Pan não é um livro sobre romance, não há nenhum casal maravilhoso para você “shipar”, não há nenhuma reviravolta incrível na história que vai fazer seu coração acelerar, ou te fazer chorar. É um livro sobre lealdade, esperança, criatividade, tomada decisões que podem e vão afetar sua vida, e, principalmente, sobre a maneira como nós escolhemos ver as situações que nos cercam e o modo como escolhemos levar a vida, nos ensinando que podemos escolher crescer e mesmo assim, nunca deixar de acreditar.

Posso dizer que, com cem por cento de certeza, o clássico de J.M. Barrie se tornou um dos meus preferidos entre as centenas que já li, e é meu novo livro de cabeceira.

Para comprar o livro na Saraiva, versão de bolso com o nosso cupom IDRIS15 por R$ 17,76, basta clicar AQUI e a versão de luxo, capa dura e comentada, por R$ 27,11, basta clicar AQUI. Para comprar na Amazon a versão de bolso e capa dura por R$ 20,90, basta clicar AQUI e a versão capa dura e comentada por R$ 31,90, basta clicar AQUI. Para comprar no Submarino a versão de bolso e capa dura por R$ 20,90, basta clicar AQUI e para comprar a versão capa dura e comentada por R$ 31,90, basta clicar AQUI.